Lourdes Lima


 

BIOGRAFIA – Lourdes Lima

( Carece de fonte )

____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

LOURDES LIMA – UMA VIDA DEDICADA Á IGREJA DE SÃO SEBASTIÃO
Por Cláudio Roberto ( 19 de fevereiro de 2014 )

Uma vida de fé e dedicação a mais tradicional igreja de Arapiraca, a de São Sebastião, no coração da cidade, localizada na Praça Marques da Silva, Lourdes Lima, faz da conservação da igreja, um sacerdócio, como cuidar da limpeza e outros serviços e ornamentação fica por conta do decorador Professor Egivaldo.

Com mais de um século de existência, a igrejinha de São Sebastião foi cuidada por uma amiga do comerciante José Zeferino de Magalhães, Maria de Lourdes Lima que mandou construir o templo como pagamento de uma promessa, depois de uma epidemia de varíola na cidade nos anos de 1904 e 1905.

Depois de cuidar do templo por mais de 60 anos, Maria Lima, entregou a tarefa a sua filha, Lourdes Lima, que por quatro décadas também cuidou da igrejinha de São Sebastião, onde no mês de novembro, durante o Tríduo de São Sebastião, é visitada por dezenas de pessoas, inclusive turistas.

Em 2005, a igreja de São Sebastião, foi tombada como Patrimônio Histórico do Município.

Todos os anos, no mês de novembro, Lourdes Lima faz uma verdadeira peregrinação ao percorrer toda a cidade à procura de doações para manter a tradição da quermesse e a procissão de São Sebastião.

Há cerca de dez anos, segundo reportagem do jornal Expresso, assinada pelo jornalista Davi Salsa, em um gesto de caridade, Lourdes Lima permitiu que vendedores ambulantes, entre eles a comerciante Irene Teixeira, utilizasse um espaço lateral para comercializar arranjos de flores e outros produtos.

Ainda de acordo com o jornal, passados todos esses anos, a comerciante Irene Teixeira reivindicou o direito do imóvel, alegando que tinha o hábito de abrir e fechar o templo religioso. O problema foi parar na Justiça, que na semana passada concedeu o direito de posse a Irene Teixeira.

De acordo com a decisão da desembargadora Elizabeth Carvalho Nascimento, presidente da 2ª Câmara Cívil do Tribunal de Justiça de Alagoas, foi suspensa a primeira sentença do juízo de 1º grau, através de ação de reintegração de posse, havia determinado a desocupação da Igreja de São Sebastião.

[ Fonte: Página do facebook do jornalista Cláudio Roberto, 19 de fevereiro de 2014 ]

[ Editado por Pedro Jorge ]

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s