Valdemar Oliveira de Macedo

 
BIOGRAFIA
 
Valdemar Oliveira de Macedo nasceu no povoado Bananeiras, Arapiraca/AL, no dia 2 de novembro de 1935, sendo o 5.º filho do casal José Clarindo de Macedo e Honorata Maria de Oliveira. Foi batizado na Capela de Nossa
Senhora de Perpétuo Socorro em Bananeiras (Paróquia de Junqueiro-AL), pelo padre Aurélio Góis no dia 12 de janeiro de 1936. Fez a primeira comunhão aos 7 de outubro de 1943 em Bananeiras. Foi crismado em Arapiraca pelo senhor Bispo de Penedo Dom Fernando Gomes. Iniciou os estudos no ano de 1945 inaugurando a Escola Municipal de Bananeiras, criada pelo prefeito João Ribeiro Lima.
 
Viveu trabalhando na roça com os pais até o ano de 1950, quando passou a viver em Arapiraca trabalhando como servente na casa de uma tia e de uma irmã, em 1951. Em 1952, iniciou as atividades de balconista na casa de
comércio do amigo João Lúcio da Silva, onde permaneceu até a data do casamento. No dia 19 de fevereiro de 1955, casou-se com a parenta Maria José de Oliveira, filha do casal José Francelino de Albuquerque e de Maria
Eugênia de Oliveira.
 
Em 1955, quando deixou os trabalhos de balconista, foi trabalhar em agricultura com a família do sogro. Em 1959 se estabeleceu como pequeno comerciante no bairro Alto do Cruzeiro – Arapiraca. Nos anos de 1971 /1972 completou os estudos de 1º e 2º graus, com exames de Madureza, no Colégio Moreira e Silva, em Maceió/AL.
 
Em 1973, fez vestibular pela Faculdade de Formação de Professores de Arapiraca, sendo aprovado entre os primeiros para o curso de Ciências Físicas e Biológicas, concluindo o curso com colação de grau em 13 de
dezembro de 1975.
 
Em 1976, fez concurso público para o ensino de 1.º grau na rede oficial do Estado de Alagoas, sendo aprovado entre os primeiros e logo foi nomeado pelo governador, Divaldo Suruagy.
 
Iniciou os trabalhos em sala de aula no dia 14 de maio de 1976, na Escola Professor José Quintella Cavalcanti, em Arapiraca. Em 1982, fez complementação dos estudos superiores pela Universidade Federal de
Belém do Pará, no Centro de Ciências Exatas, com habilitação em Física e colação de grau no dia 24 de janeiro de 1983. Continuou ensinando em Arapiraca até o ano de 1987, quando foi removido pra ensinar em Maceió (AL),
onde lecionou Física para os alunos do Curso Regular e de Magistério.Em 1997, resolveu aderir ao Programa de Desvinculação Voluntária, para se dedicar exclusivamente á família e sua pesquisas de escritor. Como escritor, publicou o seu primeiro livro intitulado “Raízes e Frutos de Arapiraca”, no ano de 1992. Publicou seu segundo livro intitulado “Arapiraca na História de Alagoas”, no ano de 1994. Publicou seu terceiro livro, intitulado “Nossa Terra e Nossa História”, no ano de 1998.

Na qualidade de escritor, tomou posse na ACALA (Academia Arapiraquense de Letras e Artes) no dia 20 de dezembro de 2000, como titular da Cadeira N.º 22, sucedendo a confreira Maria das Neves Barbosa Borges e, tendo como patrono o Mestre Antônio Rocheri de Lima. Em 2001, aos 46 anos de casado, realiza-se com quatro filhos: Elizabete, Carlos, Edileuza e João e três netos: Gabriela, Carlos Jeorge e Samuel.

[ Fonte: Livro “ACALA: História e vida”, abril de 2009 ]

____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

GENEALOGIA DO AUTOR

01. Valdemar Oliveira de Macedo é filho de José Clarindo de Macedo e de Honorata Maria de Oliveira, nasceu aos 2 de fevereiro de 1935 no povoado Bananeiras, em Arapiraca (AL).

02. Pelo lado materno é neto de João Francisco Aureliano e de Senhorinha Francisca de Oliveira.

03. É bisneto de Bernardino José dos Santos e de Antônia Maria de Jesus. De Antônio Lopes da Silva e de Rosa Maria da Conceição.

04. É trineto de Francisco Ferreira de Brito e de Francisca Maria das Chagas. De Manoel Cupertino de Albuquerque e de Francisca Correia dos Santos. De Domingos Lopes de Oliveira e de Maria Francisca da Silva.

05. É tetraneto de Gabriel Cortês Correia dos Santos e de Cota Maria dos
Santos.

06. É pentaneto de Teodoro Pereira Cortês Correia.

07. Pelo lado paterno é neto de Clarindo Correia dos Santos e de Josefa Jovelina Sampaio de Macedo.

08. É bisneto de José Inácio Correia e de Teresa Ferreira de Macedo. De José Ferreira de Macedo e de Manoela Correia Sampaio de Macedo.

09. É trineto de Manoel André Correia dos Santos e de Maria Isabel da Silva Valente. De Manoel Ferreira de Macedo e de Francisca Nunes de Magalhães. De Manoel Correia de Araújo Sampaio e de Antônia Correia da
Rocha.

10. É tetraneto de Amaro da Silva Valente e de Isabel da Rocha Pires. De Gabriel Cortês Correia dos Santos e de Cota Maria dos Santos. De José Pereira Nunes Magalhães e de Teresinha Pereira dos Santos. De José Correia Paes Sarmento e de Maria dos Reis da Rocha Pires.

11. É pentaneto de Maurício Guerra Pereira da Rocha e de Quitéria Tavares.
E de Teodoro Pereira Cortês Correia, casado com Josefa Rosa dos Santos.

12. É exaneto de Pedro da Guerra Pereira e de Inácia Souza da Rocha Pires.

13. É eptaneto de João da Rocha Pires e de Tomásia de Souza.

[ Fonte: Livro “Raízes e Frutos de Arapiraca”, 1992 ]

[ Editado por Pedro Jorge / pjorge-65@hotmail.com ]

Anúncios

14 Respostas para “Valdemar Oliveira de Macedo

  1. Parabéns professor Valdemar de Oliveira pelos seus livros e sua história como cidadão arapiraquense, que retrata com muita clareza a história de nossa querida arapiraca

  2. COM O SEU LIVRO “NOSSA TERRA E NOSSA HISTÓRIA” CONSEGUI MONTAR A ÁRVORE GENEALÓGICA DE ANTÔNIO JERÔNYMO DA ROCHA ATÉ O GOVERNADOR TOMÉ DE SOUZA ATRAVÉS DO SITE DA FAMÍLIA AMORIM. DAÍ PARA CIMA NÃO CONSEGUI MAIS NADA.

  3. Boa noite! Sr. Valdemar, gostaria de saber onde encontrar o seu livro. Já consegui em Pdf, mais tem muitas falhas.

  4. Boa noite! gostaria de saber como adquirir o seu livro, sempre tive vontade de ler , pois sou da família. Abraços.

  5. Olá, Valdemar!

    Tenho interesse em adquirir o livro Livro Nossa Terra e Nossa-História. Sou bisneta de uma das personagens citadas no livro (José Torquato de Araújo Barros/Ursulina Flávia) e quero saber mais a respeito do meu bisavô, sobre o qual a minha avó falava com tantas saudades. Agradeço se você informar onde posso adquirir o livro. Já agradecendo.

    Atenciosamente,
    Lêda Yara

  6. Olá! Meu nome é Heitor Feitosa Macêdo. Estou terminando de escrever uma obra sobre a família Feitosa, do CE, entrelaçada com os Ferreira Ferro de Alagoas. Daí, gostaria de saber se é possível eu entrar em contato com o Valdemar de Oliveira Macedo. É muito importante! Meu email é heitorfeitosa82@hotmail.com

  7. Olá Valdemar, foi um prazer inenarrável descobrir a árvore genealógica do meu pai em seu livro, contudo, fiquei triste em ver figurar como esposa do meu pai o nome da dona Doralice com quem meu pai teve um breve relacionamento, resultando no nascimento de dois de meus irmãos e não nome da minha mãe, Dona Santa com quem meu pai Genésio Barbosa da Silva foi casado (conforme certidão civil) de 06-09-1956 até a data de sua morte em 08-11-1999. Meu pai, filho do meu avô Capitão Ursulino Barbosa com a minha avó Terezinha Lourenço dos Santos,casou-se com minha mãe Santa Justa da Silva no dia 06-09/1956 em Medina – MG, a data de falecimento dele foi 08-11-1999, acredito que esta informação deveria constar no seu livro ARAPIRACA NA HISTÓRIA DE ALAGOAS. Não tem problema nenhum manter o nome da dona Doralice, com que ele teve um relacionamento que resultou no nascimento dos meus irmãos José Barbosa (Zezé) e o Rhenan (ambos falecidos), foi muito antes dele conhecer e se casar com a minha mãe. Na união de meus pais, eles tiveram 9 filhos. Peço a gentileza de acrescentar esta informação se possível nas próximas edições ou através de uma emenda em seu livro para que a árvore genealógica da família do meu pai figure corretamente em seu livro. Seria uma honra se pudesse incluir esta informação. A história de vida de meus pais foi longa demais para ficar ignorada. Obrigada.

  8. Minha esposa é filha de Genilda Barbosa da Silva, cidadã Arapiraquense sua mãe Maria Barbosa da Silva e o pai João Nogueira dos Santos . Estou em Maceió teria como contatá – lo . Meu celular é 11 – 956299949. Aguardo seu retorno e obrigado. Gostaríamos de saber sua árvore genealógica. Obrigado e até breve !!!!!

  9. Boa tarde, se chegar ao Valdemar essa pergunta eu agradeço, Gostaria de saber se conheceu Lauro Leandro da Silva?

    Gostaria de saber mais sobre minha ascendência, veja minha linha paterna direta.

    Parentesco
    Relação de Teodoro Pereira Cortês Correia com Christiano da Conceição da Silva: Descendente direto (7 gerações)
    Aqui como:
    1. Gabriel Cortês Correia dos Santos é um filho de Teodoro Pereira Cortês Correia
    2. José Sotero Correia da Silva é um filho de Gabriel Cortês Correia dos Santos
    3. José Leandro Correia da Silva é um filho de José Sotero Correia da Silva
    4. Antonio Leandro da Silva é um filho de José Leandro Correia da Silva
    5. Lauro Leandro da Silva é um filho de Antonio Leandro da Silva
    6. José Petrucio da Silva é um filho de Lauro Leandro da Silva
    7. Christiano da Conceição da Silva é um filho de José Petrucio da Silva

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s