Cícero Galdino

 
 
 
“A essência do saber consiste na sabedoria de quem sabe ouvir.” – Cícero Galdino
[ Fonte (frase): “Revista da Escola de Pais do Brasil – Seccional Arapiraca”, maio de 2003 ]
 
BIOGRAFIA – 1 / Cícero Galdino
 
Cícero Galdino dos Santos nasceu no Povoado Alto dos Galdinos, município de Arapiraca/AL. Graduado em Biologia na então Faculdade de Formação de Professores de Arapiraca, atual UNEAL. Tornou-se sócio benemérito da ACALA (Academia Arapiraquense de Letras e Artes), em 28 de abril de 2006, e está para tomar posse, em 15 de junho de 2012, como membro efetivo que ocupará a cadeira Nº 13, tendo como patrono o Pe. Antônio Lima Neto.
 
Participou de três operações do Projeto Rondon (Nacional PRO XVI), Regional em Alagoas e especial em Arapiraca, todas em 1975. Foi membro efetivo da Câmara Júnior, onde ocupou várias funções de diretoria, chegando a presidente da CAJUARA e vice-presidente da CAJUABRA para a região Centro/Nordeste.
 
Como funcionário público, exerceu a função de professor e bancário do BB (Banco do Brasil), durante 20 anos. Atua como empresário há 22 anos. Atualmente é sócio benemérito da Sociedade Pestalozzi, vice-presidente da Associação São Vicente de Paulo, da Escola de Pais do Brasil – Seccional Arapiraca e do Conselho Municipal de Assistência Social. É, também, membro do COMAD (Conselho Municipal de Política Sobre Drogas).
 
[ Fonte: Livro “Desafio” – 1ª edição, maio de 2012 ]
 
__________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________
 
BIOGRAFIA – 2 / Cícero Galdino
Por Pedro Jorge
 
Cícero Galdino dos Santos nasceu em Arapiraca/AL, no dia 14 de maio de 1953. Iniciou os seu estudos no Educandário São Francisco de Assis (atual Escola Normal São Francisco de Assis) – Jardim de Infância. O Primário cursou no Instituto São Luiz, o Ginásio e o 2º Grau (atual Ensino Médio) na Escola Estadual Quintella Cavalcanti. É formado em Filosofia com Especialização em Biologia pela UNEAL (Universidade Estadual de Alagoas).
 
Cícero Galdino já exerceu diversas atividades: foi funcionário público municipal, exercendo a função de agente fiscal ( tributos ); lecionou no Instituto São Luiz e trabalhou no Banco do Brasil, durante 20 anos. Atualmente divide a atividade de comerciante (é proprietário da Loja ELETRONTEK, especializada em eletro-eletrônicos e acessórios para ginástica) e a de agricultura. Cícero ainda é Rádio-Amador ( PP7BJ ) há 40 anos e poeta – O gênero preferido dele é o Soneto.
 
Valorizando a sua existência em nosso planeta e em retribuição por tudo que Deus tem dado a ele e a seus familiares, Cícero Galdino dá a sua contribuição como ser humano, dedicando boa parte de seu precioso tempo trabalhando como voluntário em vários entidades sociais e assistenciais/beneficentes de nossa cidade:
* É conselheiro e vice-presidente da Secretaria Municipal de Serviço Social, órgão que tem como finalidade fiscalizar as aplicações e verbas federais em nosso município;
 
* É vice-presidente da Casa dos Velhinhos ( Associação de Assistência S. Vicente de Paulo ), entidade filantrópica que cuida de pessoas idosas;
 
* É vice-presidente da EPB (Escola de Pais do Brasil – Seccional Arapiraca), grupo que tem feito um excelente trabalho, em nossa Cidade, orientando pais através de técnicas educativas que fortalecem a convivência harmoniosa entre pais e filhos;
 
* É conselheiro do COMAD (Conselho Municipal Anti-Drogas), que tem por objetivo recuperar e ressocializar jovens drogados.
 
Ao lado de sua esposa, a professora e poetisa Erluce, Cícero Galdino divide as atividades de sua empresa comercial, a ELETRONTEK, e a vice-presidência da EPB – Seccional Arapiraca.
 ___________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________
 
 
SER POETA É VENCER UM DESAFIO
Por João Rocha
 
Ser poeta é vencer um desafio, ou enfrentar mais um, como todas as aventuras da vida. Ingressar na Literatura com êxito já é difícil, pior ainda é optar pela “arte de criar imagens, de sugerir emoções por meio de uma linguagem em que se combinam sons, ritmos e significados”, como bem definem os militantes do gênero que são muitos, como Ribeiro Couto (Cabocla, Jardim das Confidências etc.), Orestes Barbosa (Chão de Estrelas, Água Marinha etc.) grande poeta e famoso compositor, Adonias Filho, romancista e ensaísta baiano (Os Servos da Morte, Corpo Vivo e outros), José de Alencar, romancista e teatrólogo cearense, o maior representante do romantismo no Brasil (Iracema, O Guarani etc.), Afrânio Coutinho, crítico literário baiano, muito aplaudido por suas obras (Por Uma Crítica Estética, Do Crítico e da Crítica, Machado de Assis na Literatura Brasileira etc.), Ferreira Gullar, poeta e ensaísta maranhense (A Luta Corporal, Cultura Popular Posta em Questão, Poema Sujo, etc.),além de outros mestres da Literatura. Poeta “é o que escreve e se consagra à poesia. Pessoa sensível, de imaginação inspirada ou sonhadora”, de acordo com o Mestre Aurélio Buarque de Holanda Ferreira, saudoso dicionarista alagoano (1910-1989), (Pequeno Dicionário da Língua Portuguesa).
 
Ser poeta, nos dias atuais, é como ir à procura da Terra Prometida. Imaginem que em um país no qual 18,7 milhões de pessoas (diz o IBGE) nunca pisaram em uma escola, 81,3 milhões de brasileiros não tiveram instrução escolar ou não completaram o ensino fundamental (Censo de 2010), e mais da maioria dos jovens (a partir de cinco anos) se liga na internet dia e noite, recusando-se a aceitar qualquer tipo de leitura.  Raramente o poeta pode ser bem sucedido na missão de encantar o público com seus versos.
 
Não pretendo eu, no entanto, desestimular os jovens que constantemente se aventuram a ingressar na arte de fazer poesia, para dar ênfase aos seus sonhos. Afinal, acho que de uma forma ou de outra, temos que encarar os desafios do cotidiano com toda força da fé, coragem e confiança na vitória. O POETA GALDINO com sua disposição e espírito de luta se lança na poesia com vigor, através de uma obra que ele adotou acertadamente com o título de DESAFIO. Cícero Galdino, nosso contemporâneo de boa formação acadêmica, aceitou o desafio de fazer parte de uma comunidade destinada a caminhar passo a passo com os terremotos oriundos das dificuldades literárias que diariamente consagram e destroem valores, por suas críticas prós e contras. Creio, porém, que o novo poeta está preparado para enfrentar as críticas e compreender que sem elas dificilmente a arte sobreviveria.
 
O livro Desafio será lançado no dia 26 de maio de 2012 no auditório do CESAMA (Centro de Ensino Superior Arcanjo Mikael de Arapiraca), pela ACALA (Academia Arapiraquense de Letras e Artes), às 20h . Recebi o convite e agradeço. Sucesso! 
 
Comentário:
“Uma boa mensagem é “SER POETA É VENCER UM DESAFIO”, principalmente pelo conteúdo literário contido nesse texto. Sempre fui um admirador do potencial jornalístico de João Rocha. Desafio para mim não considero ser apenas aqueles que cito no soneto que leva esse nome, inserindo também os que opino no marca páginas do meu livro sobre fazer poesia, mas sobretudo a coragem de enfrentar por exemplo, o reflorestamento global. Esse sim, eu poderia considerar o maior de todos os desafios. Vamos acreditar que um dia isso venha acontecer. Para tanto, é preciso que alguém dê o primeiro passo.” – Cícero Galdino
 
 
 [ Fonte: http://joaorocha2.blogspot.com.br/2012/05/ser-poeta-e-vencer-um-desafio.html ]
 
____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________
 
Intelectuais de Arapiraca Prestigiam Lançamento Literário / Escritor Cícero Galdino lança primeiro trabalho em poesia intitulado Desafio
Por Roberto Gonçalves ( 27 de maio de 2012 )
 
Em solenidade bastante concorrida, realizada no auditório do CESAMA (Centro de Ensino Superior Arcanjo Mikael) em Arapiraca/AL na noite deste sábado, 26, o poeta Cícero Galdino dos Santos, lançou o seu livro de poesias intitulado “Desafio”.
 
A apresentação do trabalho foi feita pelo Dr. Marcos Vasconcelos, que fez uma verdadeira viagem pelo universo da Literatura brasileira e alagoana citando Valdemar Cavalcante, José Lins do Rego, Graciliano Ramos, Jorge de Lima, Raquel de Queiroz, além de destacados clássicos da Literatura regional.
 
Na visão do apresentador da obra literária, Dr. Marcos Vasconcelos, o trabalho assinado por Cícero Galdino tem três destaques: a reflexão, o amor e o sentimento do autor pela natureza e o Meio Ambiente e, finalmente, o lirismo na expressão do seu coração.Para o jornalista, João Rocha, em comentário sobre o trabalho literário explica que “De uma forma ou de outra temos que encarar os desafios do cotidiano com toda força da fé, coragem e a confiança na vitória”.  “O poeta Cícero Galdino com sua disposição e espírito de luta se lança na poesia com vigor, através de uma obra que ele adotou acertadamente com o titulo de desafio”, completou João Rocha.
 
O lançamento do livro foi da ACALA (Academia Arapiraquense de Letras e Artes) e o ato de lançamento foi presidido pelo presidente da instituição de cultura, escritor, Cláudio Olímpio dos Santos.
 
A solenidade contou com a presença do prefeito de Taquarana/AL, Alay Correia, escritores e acadêmicos da ACALA: Judá Fernandes, Domingos da Fonseca Sobrinho, Madalena Menezes, Lucicleide da Silva, Carlisson Borges Galdino, Carlindo de Lira – que foi o mestre de cerimônia e o jornalista e acadêmico Roberto Gonçalves, que representou na solenidade, o Secretário de Estado da Articulação Política, Rogério Auto Teófilo.
 
O momento artístico foi apresentado pelo acadêmico e cantor popular-romântico, Manoel Tenório. A professora e vereadora Graça Lisboa representou o Poder Legislativo na solenidade. Marcaram presença no evento representantes da Escola de Pais do Brasil – Seccional Arapiraca, Associação São Vicente de Paulo e Conselho Municipal Anti Drogas, radialista José de Sá, professor José Oliveira, além de estudantes universitários e professores.
 
[ Fonte: http://bobgonsalves.blogspot.com.br/ ]
_______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________
 
CULTURA / Cícero Galdino Lança “Desafio”
Por Dep. de Imprensa ( 28 de maio de 2012 )
 
O escritor arapiraquense Cícero Galdino dos Santos lançou, na noite de sábado (26), no auditório do CESAMA (Centro de Ensino Superior Arcanjo Mikael), o seu mais recente trabalho, o livro de poesias “Desafio”.A solenidade foi bastante prestigiada por representantes dos diversos segmentos da sociedade de Arapiraca e convidados. O evento teve a iniciativa da ACALA (Academia Arapiraquense de Letras e Artes), que tem como presidente, o escritor Cláudio Olímpio dos Santos.
 
A solenidade ainda contou com a presença dos escritores e acadêmicos da ACALA: Judá Fernandes, Domingos da Fonseca Sobrinho, Madalena Menezes, Lucicleide da Silva, Cárlisson Borges Galdino, Carlindo de Lira e o cantor e compositor Manoel Tenório, que abrilhantou a festa.
 
Também prestigiaram o lançamento do livro e a noite de autógrafos o radialista José de Sá: a vereadora Graça Lisboa (PSD); um dos administradores do blog Arapiraca Legal Pedro Jorge; representantes da Escola de Pais do Brasil (Seccional Arapiraca); Associação São Vicente de Paulo e Conselho Municipal Antidrogas; bem como estudantes, universitários, educadores e representantes de toda a sociedade arapiraquense.
 
[ Fonte: http://www.arapiraca.al.gov.br/v3/noticia.php?notid=4410 ]
____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________
 
“A leitura é o melhor remédio, evita o tédio, a ansiedade e outras facetas do mundo moderno. A boa leitura, é claro… Cresci entre livros e hoje não consigo passar um dia sem uma boa dose de leitura. Tente, vale a pena!” – Erluce Galdino (29 de maio de 2014)
[ Fonte (Frase): Facebook de Erluce Galdino ]
 
PERFIL / Erluce Galdino
Por Pedro Jorge
 
Erluce M. Borges Tenório Galdino, é professora pós-graduada em psicopedagogia, poetisa, empresária-sócia da ELETRONTEK e membro da EPB (Escola de Pais do Brasil) – Seccional Arapiraca/AL, ocupando a função de vice-presidente, ao lado de seu esposo, o comerciante e poeta Cícero Galdino dos Santos.
 
Os administradores do Blog Arapiraca Legal, Pedro Jorge e Gilvan Juvino, parabenizam este simpático casal, que a cada dia mostra através dos propósitos e ideais de suas vidas uma grande lição: vislumbrando para todos nós a esperança de um mundo melhor…
____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________
 
ARTIGO
 
MATURIDADE NOS RELACIONAMENTOS
Por Erluce e Cícero Galdino
 
Por muito tempo acreditou-se que maturidade era sinônimo de números de anos vividos, isto é, de idade. Com a mudança de comportamento das últimas gerações, ficou comprovado que maturidade não correspondia ao que lhe era atribuído.
 
Saber enfrentar situações adversas, adaptar-se a difíceis circunstâncias que a vida, muitas vezes, inesperadamente, nos proporciona, fez com que a maturidade se tornasse fundamental para o ser humano.
 
Hoje o diálogo da criança com o mundo é abrangente e prematuro, devido seu modo de viver, convivendo num ambiente onde a tecnologia vigora e desencontros familiares ocorrem numa proporção acelerada. Assim, logo cedo, ela convive com situações que não eram vivenciadas pelas crianças de outrora.
 
Os adolescentes, os jovens e até os adultos vivem num turbilhão de questionamentos que precisam ser solucionados com urgência. Para isso necessitam da capacidade de ter prudência no momento de decidir, e isso, diversas vezes não ocorre, gerando situações vexatórias e incontroláveis.
 
A convivência social exige uma boa dosagem de maturidade. Cada pessoa possui o seu espaço e deve limitá-lo no respeito ao outro. É fator primordial ter maturidade, pois isso evita confronto de gerações.
 
Cada ser traz uma história, cada geração tem sua visão de mundo. Todos devem respeitar as diferenças, conviver em harmonia, tentando colher de cada geração o melhor adaptando-o ao momento presente, pois assim estará contribuindo para abrir espaço ao diálogo entre as gerações. Chamamos a isso de maturidade.
 
Imagine se a geração passada, hoje convivendo com a atual, se descontrolasse diante dos impulsos inovadores da juventude e da rebeldia infantil, tão bem delineadas em nossos dias, sem maturidade, como seria? O que aconteceria? É aí que se confirma a necessidade de se ter uma ampla visão e uma ação equilibrada para se evitar confrontos que dificultariam o relacionamento das gerações.
 
A maturidade plena só se conquista com a plenitude da vida. Enquanto se vive, ela se faz necessária em seus diferentes níveis. Pais, filhos e netos são componentes de um círculo de amor que a vida não deixa acabar. Mesmo quando um deles parte, uma outra história está sendo escrita e assim, com saudade e determinação, a vida continua e com maturidade a história prossegue.
 
[ Fonte: revista da Escola de Pais do Brasil – Seccional de Arapiraca Nº 02 (dezembro de 2005) ]
 ____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________
 
SONETOS
 
APRENDIZ DE MEDICINA* ( 18 de outubro de 2011 )
Autor: Cícero Galdino ( Membro da ACALA )
 
Ao cuidar da vida, vai preservando a saúde
E trabalhando muito, passa sono, se esforça
Com dom Divino, aperfeiçoando lhe dá força.
Muita atenção nos desafios por mais que cuide!
 
Satisfação sente revendo qualquer vivente
E muito prazer, se dedicando com amor.
Faz cirurgias e medicando passa a dor
Nessa rotina, satisfaz bem ao paciente.
 
E vive a cuidar sempre ajudando a quem precisa
Com a sintonia, vai agindo com muita ação,
Pois para lidar, estuda e faz muita pesquisa.
 
Bom iniciante, tanto aprende quanto ensina
Na bela vocação que escolheu de coração.
Que  função linda, essa profissão da Medicina!
 
* Dedico este soneto aos acadêmicos Clebérson e Evelyn Borges Tenório Galdino.
 
 
DIFAMAÇÃO* ( 25 de abril de 2011 )
Autor: Cícero Galdino (membro da ACALA )
 
Debruçado ao pilar da moral ostenta.
Nada que o condene do que lhe acusara,
Pois a burocracia da justiça encara;
Com passos firmes e com fé em Deus enfrenta.
 
Maldita calúnia, armação danosa
Que interronpeu sua atividade santa.
Vejo que ainda hoje seu trabalho encanta,
Evangelizou a comunidade nossa.
 
Mas mesmo sem prova, nem absolvição
Segue o destino que o Pai lhe reservou,
Celebrando missa com a devoção.
 
Nunca se deve fazer um mau juízo.
Olho o quanto é ruim o que não se provou,
Causando danos e grande prejuízo!
 
* Dedico este poema ao Monsenhor Raimundo.
 
 
SANTO EXPEDITO* ( 29 de julho de 2012 )
Autor: Cícero Galdino ( membro da ACALA )
 
Ao socorro dos aflitos, surge o Santo Expedito
Louvemos graças ao bom Deus pelo que ele é capaz,
Por tudo que ele tem feito e por tudo que ele faz,
Intercedendo a Jesus cada momento bendito.
 
É preciso que todos vivam sempre a agradecer
Ao Pai por ele existir e a ele por sua bondade,
A qualquer um ele atende, nunca escolhe a idade,
Benefício recebido, não se deve esquecer!
 
Com terreno edificamos pedra fundamental,
Tendo Igreja do Santo, o povo fica agradecido.
Que essa notícia se espalhe em todo e qualquer portal.
 
Mas que tarefa difícil! Que o Santo nos proteja!
Com persistência e fé que se fica fortalecido,
Só com ajuda do povo é que se constrói essa Igreja.
 
* Poesia feita para o lançamento da pedra fundamental, no 19 de abril de 2013 – dia consagrado ao Santo Expedito.
 
 
TURBULÊNCIA* ( 14 de março de 2013 – Dia da Poesia )
Autor: Cícero Galdino ( membro da ACALA )
 
Nessa agitada vida enxergo
Um despertar ao novo mundo;
Quando durmo o sonho é profundo,
Se desperto, me sinto cego.
 
É preciso estar sempre atento
Aos problemas que sempre vejo;
Drogas, vícios, num só cortejo,
Cessar tráfico é um alento.
 
Os valores são invertidos
Muitas vezes por influência,
Que os impulsos sejam contidos.
 
Vivo o agora a observar
Com muito amor e com paciência
E os valores a conservar.
 
* Dedico esse soneto as ações voluntárias de combate ás drogas.
 
MEU TORRÃO
Por Cícero Galdino (membro da ACALA)
 
Na cidade dos Andrés, nossa Arapiraca
Vivemos hospitaleiros em harmonia.
Pássaros cantam nas manhãs em sinfonia;
No bosque, praças, no verde que se destaca.
 
Ao equívoco que Antônio Carlos alertou:
Trinta de outubro sempre se comemorou,
Mas trinta de maio foi que se emancipou,
Pois foi na ACALA que essa história ele contou.
 
Seu ouro verde foi cultivo do passado.
Temos clima bom controlado pelos ventos,
Onde se vive bem feliz e muito amado!
 

Precisamos ter coragem a corrigir,
Mesmo que se comemore até dois eventos.
Só depende de nós, nossa forma de agir.

____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

CÍCERO GALDINO (Acróstico)*
Autor: José Carlos Gueta, O Poeta do ABC

C onceituado e benemérito cidadão do município de Arapiraca
I nclusive é sócio da Academia Arapiraquense de Letras e Artes
C omo membro da Câmara Júnior em diversas funções destaca
E atualmente da Sociedae Pestalozzi, este cidadão faz parte.
R etribui como ser humano a sociedade, e ainda agradece a Deus.
O seu precioso tempo reserva para contribuir com os irmãos seus.

G rande comerciante no ramo eletrônico, ginástica e agricultura.
A inda sobra um tempinho para a função de rádio-amador
L ecionou no Instituto São Luiz e foi agente fiscal da Prefeitura
D edicando-se á poesia, ao Soneto este nobre poeta dá muito valor.
I nteligência, competência e altruísmo fazem parte de sua estrutura.
N ão mede esforços para ajudar, seja como cidadão ou professor
O município de Arapiraca está bem representado por esta figura.

* Este acróstico é dedicado ao escritor e empresário arapiraquense, Cícero Galdino dos Santos.

Fonte (link): http://www.recantodasletras.com.br/acrosticos/4553393?fb_action_ids=1419022898327422&fb_action_types=og.recommends&fb_source=other_multiline&action_object_map=%7B%221419022898327422%22%3A224699184371840%7D&action_type_map=%7B%221419022898327422%22%3A%22og.recommends%22%7D&action_ref_map=%5B%5D

____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________
 
 
 
PROGRAMA ESCOLA DE PAIS EM AÇÃO / 96 FM
 
Escute todos os domingos na emissora 96 FM – Arapiraca, das 19:15 ás 19:30h,
o programa “Escola de Pais em Ação”.
Apresentação: Genival & Cícero Galdino e Convidados.
Escute e Participe!
 
____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________
 
 
Sr. Galdino
 
TRIBUTO / José Galdino dos Santos
 
Os administradores do blog Arapiraca Legal, Pedro Jorge e Gilvan Juvino, prestam um tributo ao saudoso e inesquecível José Galdino dos Santos (24/05/1927 – 14/12/2012). Compartilhamos este tributo com todos os seus familiares e amigos.
 
 
AGRADECIMENTOS
Por José Galdino Filho
 
Nosso querido papai, cada ruga tua representou uma história. E, são tantas. Quantas experiências, quantas histórias contou, quantos conselhos nos deu, quanta paciência nos suportou. Esqueceu a sua vida para viver a nossa. Sempre cheio de atenção, carinho e muito amor para nos oferecer.Fostes, nosso pai, um advogado na nossa vida, mediador nas nossas decisões. Você foi um grande legionário de Maria, um católico praticante, um grande esposo, pai, avô, bisavô, sogro e formidável amigo. Você foi o equilíbrio, a palavra de esperança. Fostes o colo que aninhou os nossos ombros, que apesar de cansado apoiou o olhar de complacência.
 
Fostes o Oásis da segurança que aplacou a sede e alimentou o corpo. Você foi tudo de bom e de belo. Não esqueceremos jamais como nos tratava: de meu querido. Meu querido, saudades deixou. Papai, fostes um bem precioso, que quando partistes para o céu, deixou muitas saudades. Hoje sentimos dor, mas em breve será só lembranças com muito amor.Muitas lágrimas de saudades correram por nossa face, mais quando os olhos lacrimejavam, só Cristo os enxugou, quando a alma se abateu, só Cristo a confortou, quando o desespero dominou a vida, só Cristo o libertou, quando a morte provocou lágrimas, só Cristo as limpou e nos conformou.
 
Uma casa é feita de pedras, cimento, areia e tijolos. Um lar é feito de amor, carinhos, cuidados, respeito, lealdade, bondade, ajuda mútua, apoio, atenção, boa vontade, prazer, alegria, coração aberto, humildade e muita entrega. Todas essas virtudes e muito mais, tinha o nosso querido pai José Galdino dos Santos.O carinho edifica alicerces da casa a fim de que, mais tarde, as provas necessárias da vida possam chegar. Meu querido pai, o Senhor sempre nos dizia que morreria feliz se antes da morte recebesse a comunhão e duas horas antes de partires Deus lhe concedeu esta dádiva.Lembro-me de algumas frases pronunciadas por ele:
* Quando somos bons para os outros, somos ainda melhores para nós;
* A bondade é o único investimento que nunca vai a falência;
* Amar é sentir na felicidade do outro a própria felicidade;
* Nunca conheceremos a verdadeira felicidade até que tenha conhecido o amor. E, nunca compreenderemos a verdadeira dor, até que o tenha perdido;
* Devemos viver preparados, porque não sabemos o dia nem a hora;
* Quando a saudade não cabe mais no coração, ela transborda pelos olhos.Embora a saudade seja grande, com ela aprendi que nada pode ser apagado. E, no momento da saudade descobrimos o valor de quem realmente foi amado. Meu pai, o verdadeiro amor não tem final feliz, porque simplesmente não tem final. Obrigado, papai por tudo.
 
A família agradece aos parentes e aos amigos, o carinho, o apoio e as palavras de conforto recebidas. Agradecemos também a Unidade de Emergência, a Sociedade Beneficente N. S. do Bom Conselho, ao prefeito Luciano Barbosa, sendo representado pelo secretário Josivan Vital, a Paróquia N. S. do Bom Conselho, a OSACRE, as emissoras de rádio de Arapiraca/AL, a Beira Rio Propaganda, ao deputado estadual Gilvan Barros, a vereadora Gilvânia e seu esposo – Ted Pereira, as Tias Alice, Dudu & Maria e, especialmente ao meu irmão Genival Galdino e a minha mãe Maria da Silva Santos. Agradecemos a todos aqui presentes e, finalizando queremos agradecer a Deus por ter concedido ao nosso querido pai os seus 85 anos de existência.Descanse em paz, querido pai José Galdino dos Santos!
 
 
PAI CORUJA (Soneto)
Por Cícero Galdino ( membro da ACALA )
 
Pela manhã, ao acordar eu vejo os meus,
Agradeço ao Senhor por novo dia.
Você tabém deve curtir os seus,
Viva! E oriente com alegria.
 
Ao levantar todos seguem seu rumo,
Orientados enfrentam a lida.
Os valores sempre passo em resumo;
Captados servirão pra toda vida.
 
Interferindo em sua educação,
Instruindo cada um sempre sem dor,
Convicto de tocar seu coração. 

Conhecendo bem cada um dos meus filhos,
Eu sei que só se educa com amor,
Incentivando a todos com seus brilhos.

[ Fonte: Livro Desafio, 1ª edição ]

____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

 
CONTATOS / Cícero Galdino 
 
E-mail: cgaldinosantos@yahoo.com.br
Escola de Pais do Brasil – Seccional Arapiraca
Caixa Postal: 144
Arapiraca/AL.
 
[ Editado por Pedro Jorge / E-mail: pjorge-65@hotmail.com ]
 
Anúncios

20 Respostas para “Cícero Galdino

  1. Pedro Jorge é um cidadão que precisa e merece todo apoio possível de nossa sociedade pelo brilhante trabalho que vem realizando, através do seu blog ARAPIRACA LEGAL, uma verdadeira fonte de pesquisa cultural. Foi por meio dele que trouxe de volta, para minha enorme satisfação, em 3l.05.2012, o contato com o amigo de infância, Renato Bezerra de Melo, residente em São Carlos (SP). que havera perdido há quase 10 anos. Parabéns, amigo, pelo relevante serviço que você presta a terra de Manoel André,

    • Olá Cícero Galdino!
      Agradeço, de coração, pelas palavras elogiosas. É um prazer saber que o blog Arapiraca Legal vem cumprindo o seu papel cultural e de reencontro de amigos. Aproveito a oportunidade para parabenizá-lo pelo lançamento de seu excelente livro de poesias “Desafio”: com certeza virão outros títulos de sua autoria. Parabéns amigo!
      Abs, Pedro Jorge.

  2. A solenidade de lançamento do livro “DESAFIO” foi como se vê acima, prestigiada por marcantes presenças de pessoas cultas e comprometidas com a Educação da terra dos Andrés e de várias cidades alagoanas, inclusive Maceió, Viçosa, Penedo, Palmeira dos Índios, Taquarana e demais que agregam o complexo metropolitano do Agreste.
    O sucesso do evento divido com a ampla divulgação que teve através das emissoras de rádio locais, facebook e blogs: Arapiraca Legal e João Rocha Umas & Outras, entre outros e também o Site Oficial da Prefeitura de Arapiraca a quem hipoteco a todos meus sinceros agradecimentos.

  3. Agradeço aos amigos Pedro Jorge e Gilvan Juvino, dirigentes do Blog Arapiraca Legal, pelo gesto solidário que tiveram em postar homenagem ao meu saudoso pai.

  4. Eu, Ana Lucia Galdino dos Santos, fugi de casa c/ + ou – 13 anos de idade e estou a procura da minha familia. Residi no bairro Clima Bom, Maceio – AL. Estudei na escola Nenoi Pinto e hoje tenho 33 anos de idade, meus pais se chamam Jose Galdino dos Santos e Maria de Fatima Lima. Lembro que tenho um irmao por nome de Cicero Galdino dos Santos.

    Favor entrar em contato … supercanuto2011@hotmail.com

  5. CONVITE

    A Paróquia Nossa Senhora do Bom Conselho, através do Pároco Pe. Murilo dos Santos e dos devotos de Santo Expedito, convida Vossa Senhoria e família, bem como a todos os cristãos para participarem do lançamento da pedra fundamental… da construção da Igreja de Santo Expedito, que ocorrerá no dia 19/04/2013, a partir das 19 hs, tendo início com a celebração da Santa Missa.

    Local: Quadra E do loteamento Porto Rico, situado no Bairro Nova Esperança, em Arapiraca/AL (rua paralela à rua da Capela Nossa Senhora de Aparecida).

    Participe!

  6. CAMPANHA SOLIDÁRIA
    Participe da Campanha Para a Construção da Igreja Santo Expedito, Bairro Nova Esperança, em Arapiraca/AL !
    Contribua através da Caixa:
    Agência 0056, operação 013, conta 11.597-2.

  7. Meu caro amigo Gilvan! Agradeço-lhe pela atitude brilhante que você teve em postar no Blog Arapiraca Legal “CAMPANHA SOLIDÁRIA”. Só Deus, através da intercessão de Santo Expedito é quem lhe dará a recompensa.
    Essa conta que você cita é específica para coletar recursos que se destinem a construção da Igreja, cuja titular é Paróquia Nossa Senhora do Bom Conselho, gerida pelo dinâmico Pe. Murilo dos Santos, com autorização de Dom Valério Breda, bispo de nossa diocese. Obrigado a todos que poderem ajudar, depositando sua contribuição.
    Fiquem com Deus!

  8. CAMPANHA SOLIDÁRIA

    Participe da Campanha Para a Construção da Igreja Santo Expedito, Bairro Nova Esperança, em Arapiraca/AL !
    Contribua através da Caixa:
    Agência 0056, operação 013, conta 11.597-2.

  9. Cícero Galdino: o seu caráter , a sua educação e a sua inteligência brilha no ser humano que vc é. Orgulho de ser sua amiga!
    Tânia Leão

  10. Lindas palavras de quem tem um generoso coração, recheado de bondade. Fico feliz pelo comentário. Obrigado a vocês, amiga Tânia e Gilvan!

  11. Arborizar Será Lançado Nesta Quinta (13)
    Por Departamento de Imprensa (12/02/2014)

    Integrantes do FDLIS (Fórum de Desenvolvimento Local, Integrado e Sustentável), Agenda 21 e das secretarias de Governo, Educação e Meio Ambiente irão participar, na manhã desta quinta-feira (13), da solenidade de lançamento do Projeto Arborizar Para Melhor Vivermos. O evento está marcado para as oito horas, tendo como local a Escola de Circo do Bosque das Arapiracas.

    Idealizado pelo professor e escritor Cícero Galdino, o projeto também conta com o apoio da ACALA (Academia Arapiraquense de Letras e Artes), Escola de Pais do Brasil – Seccional Arapiracac e empresas da cidade.

    O projeto Arborizar Para Melhor Viver é voltado para educação ambiental, sobretudo com a participação de alunos, professores, servidores de escolas públicas, particulares, universidades e empresariado local.

    O presidente do FDLIS, José Lopes, revelou que o lançamento oficial do projeto, previsto para o próximo dia 13 deste mês, será marcado com o plantio simbólico de muda de árvore nativa no Bosque das Arapiracas.

    A iniciativa prevê o plantio de 2000 mudas em praças, escolas, avenidas, entre outros locais da cidade. Depois do lançamento em Arapiraca, a ideia é levar as ações de educação ambiental para outras cidades da RMA (Região Metropolitana do Agreste).

    [ Fonte (link): http://www.arapiraca.al.gov.br/v3/noticia.php?notid=6941%5D

    [ Editado por Pedro Jorge ]

  12. CICERO GALDINO ( Acróstico )
    Autora: Maria Margarete Malaquias Cavalcante (Professora e Multiplicadora de Informática Educativa)

    [ C ] icero Galdino dos Santos nasceu no Povoado Alto dos Galdinos e seu choro foi para seus pais mais uma dose de alegria que aumentou ainda mais o amor autêntico que os uniu através do matrimonio quando deixaram de ser dois para ser só um, uma só carne, uma só vida.
    [ I ] niciou sua vida estudantil no Educandário São Francisco de Assis (atual Escola Normal São Francisco de Assis), onde aconteceram as primeiras socializações, adquiriu novos hábitos, novas maneiras de se comportar em grupo formal, diferente do grupo familiar.
    [ C ] alcular, escrever e outras aprendizagens eram necessárias. Compreendendo assim, seu pai o matriculou no Instituto São Luiz e com desenvoltura Cícero aprendeu a ler e fazer escritas que foram facilitadas pelas atividades desenvolvidas no Jardim da Infância.
    [ E ] studar para o jovem Cícero não era compreendido como uma obrigação porque ele sempre teve o prazer de obter conhecimento, dinamizar a capacidade de raciocinar e fazer interpretações, prazer esse despertado por seu genitor – Sr. José Galdino, fumicultor arapiraquense; e por sua genitora – D. (carece de fonte). Com esse mesmo prazer fez o ginásio e o segundo grau na Escola Quintella Cavalcante.
    [ R ] apazola conversador, falador de vários assuntos e como possuidor de rudimentos de Filosofia aos poucos foi compreendendo a necessidade que cada um de nós tem de buscar soluções não definitivas em si próprio para questões também criativas. Em virtude dessa necessidade,Cicero Galdino, cursou Filosofia na UNEAL (Universidade Estadual de Arapiraca).
    [ O ] timas atividades foram desempenhadas por Cícero ao longo de sua vida que podem ser assim elencadas: funcionário público municipal com a função de agente fiscal (tributo); trabalhador como agricultor na lavoura do fumo; lecionou no Instituto São Luiz, mesma escola onde estudou; trabalhou no Banco do Brasil durante vinte anos; proprietário da ELETRONTEK; radialista, Programa Escola de Pais do Brasil e rádio-amador (PP7BJ).

    [ G ] igantesca é sua gratidão a Deus e em retribuição por tudo que Ele lhe deu, dá a sua contribuição como ser humano, dedica boa parte de seu precioso tempo trabalhando como voluntário em várias entidades sociais e assistenciais/beneficentes de Arapiraca, berço onde nasceu: Casa dos Velhinhos;Escola de Pais do Brasil – Seccional de Arapiraca; Secretaria Municipal de Serviço Social e COMAD (Conselho Municipal Anti-Drogas)
    [ A ] mar é a maravilhosa sina de Cicero. Ele muito amou a seus pais, muito amou seus irmãos, muito amou e muito ama seus semelhantes, ama a Deus acima de tudo e ama Erluce, com quem contraiu matrimônio, constituiu família, teve (carece de fonte) filhos, partilha alegrias e tristezas, e como os poetas se deixam envolver, transformam o amor que sentem um pelo outro em pura poesia, descrevendo os (carece de fonte) de casados em um só poema.
    [ L ] ápis, papel e um coração cheio de amor, em silêncio vai rabiscando palavras saídas da alma e com elas vai criando seus sonetos: belíssimo trabalho em poesia.
    [ D ] isposição e espírito de luta é uma constante na sua vida o que tem favorecido para não se desestimular e continuar aventurando, dando ênfase aos seus sonhos, encarando desafios no cotidiano, com toda força, fé, coragem e confiança na vitória, até mesmo no enfrentamento dos terremotos oriundos das dificuldades literárias.
    [ I ] nsere na sua luta diária os ensinamentos de seus pais, respeitando a Lei de Deus e a Lei dos homens porque reconhece que existem limites para tudo, que normas devem ser respeitadas e que a flexibilização de qualquer norma pode causar prejuízo a sua carne ou ao seu espírito.
    [ N ] otável ser humano, magnânimo trabalhador, exemplar filho e pai, Arapiraca tem orgulho da sua simplicidade, da sua grandeza, do amor que não deixa espaço em seu coração para mágoas, ressentimentos, tristezas, desenganos.
    [ O ] lha ao teu redor e ver quantas pessoas felizes tu fizestes e continuas a fazer porque teu coração é puro amor, é doação, é dedicação, é respeito, é alegria, é poesia, pura poesia, é zelo pela mãe natureza. Olha aquela pequena muda! Teu Projeto Arborizar para Melhor Viver, poeta é um grande passo para o reflorestamento global considerado por você o maior de todos os seus desafios!

    [ Editado por Pedro Jorge / E-mail: pjorge-65@hotmail.com ]

  13. Agradeço a professora Margarete Malaquias pela homenagem e ao bolg Arapiraca Legal pela postagem.

  14. MEU QUERIDO PAI
    Por José Galdino

    Neste segundo domingo de agosto comemora-se o Dia dos Pais. Meu Saudoso e Querido Pai, José Galdino dos Santos: a sua ausência nos causa profunda tristeza, mas relembramos as alegrias que você gerou entre nós, é como se você estivesse presente. Que tudo na vida, meu querido Pai, brilhe como seus olhos sempre brilhavam, que seja maravilhoso como seu coração foi e lindo como você foi em seus atos e atitudes.

    O tempo não para! Só a saudade é que faz as coisas pararem no tempo. Saudade é um sentimento que quando não cabe no coração, escorre pelos olhos. Temos saudades de todos os momentos que vivestes conosco. Você que tem pai e estar vivo, demonstre seu amor por ele. Dê um forte abraço apertado, beije-o, diga que o ama de verdade, faça isso enquanto é tempo – essas atitudes superam qualquer presente material, porque depois: só saudades … Saudades … E saudades eternas!

    Fonte: Facebook de José Galdino.

  15. NO RANCHO GALDINÓPOLIS, DE ARAPIRACA (AL), O VERDE SE IMPÕE!
    Por João Rocha (jornalista)

    A área arborizada de oito hectares é um exemplo de preservação ambiental com inúmeros tipos de plantas. Mais de mil mudas foram plantadas nos últimos meses na reserva que será o futuro horto florestal
    distante seis quilômetros da cidade.

    Fonte: Facebook “João Rocha”.

  16. Muito bom o blog Arapiraca Legal. Sou de Batingas, Arapiraca (AL), porém moro em Arcoverde (PE) há 26 anos. Tenho saudades da cultura e esporte de Arapiraca. Um abraço.

    • Agradecemos ao leitor do blog “Arapiraca Legal”, Juvino Pereira dos Santos, pelo primeiro comentário enviado no ano de 2016 e pelas palavras elogiosas endereçadas a este humilde portal cultural.
      Desejamos um feliz Ano Novo para o internauta, Juvino P. dos Santos, e para todos os leitores do “Arapiraca Legal”!
      Assina: Pedro Jorge e Gilvan Juvino, administradores do blog “Arapiraca Legal”.

  17. “Gosto de ler, escrever, passear,curtindo a natureza. Sou um defensor do nosso verde. Por isso estou lançando o Projeto Arborizar.
    Participo de 2 Conselhos Municipais: Assistência Social(função vice-presidente) e Anti Droga. Estou vice presidente também da Casa dos Velhinhos e da Escola de Pais do Brasil-Seccional Arapiraca juntamente com minha esposa.
    Sou radio-amador há mais de 35 anos, prefixo PP7 BJ.
    Sou membro benemérito da Sociedade de Pestalozzi e da Academia Arapiraquense de Letras e Artes, onde serei empossado membro ativo em l5 de junho de 2012, tendo como patrono o saudoso Pe. Antonio Lima Neto-cadeira nº 13. Participo como apresentador do programa Escola de Pais em Ação na FM Arapiraca, 96,9 MHZ, às l9:15, aos domingos, juntamente com Genival Galdino e Estela Celina.” – (Cícero Galdino)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s