VIVA NOSSOS ARTISTAS – 2013

VIVA ARAPIRACA! 2013 – VIVA NOSSOS ARTISTAS ( HOMENAGEADO: ARI DE QUEIROZ )

“Esse espaço dado a gente é multiplicado por centenas de músicos que estão sendo representados por nós”. – Zé Dules

Primeiro Dia do Viva Arapiraca: Emoção e Música de Qualidade Com Artistas Locais – Cantores interpretaram clássicos e conquistaram o público
Por Clau Soares (Repórter)

O atraso de quase duas horas não intimidou quem estava na noite desta quinta-feira (14), no Lago da Perucaba, para curtir a abertura do Viva Arapiraca 2013. Quando a banda arapiraquense Azul Manteiga subiu ao palco Planetário (que não é no Planetário, mas ao lado do palco principal), o grito de que a festa havia começado ecoou nos acordes dos clássicos do rock´n’ roll interpretados pelo vocalista, Breno Airan.

Azul Manteiga empolgou com canções conhecidas pelos amantes do rock, como as composições de Black Sabbath e Ozzy Osborne, mas o público cantou junto mesmo quando o trio tocou a composição própria “Toda noite rola um fight”.

Em seguida, com o ritmo mais desacelerado, a Subproduto de Rock não deixou a desejar. E fez bonito ao imprimir uma pegada rock, com o som da guitarra e notas executadas no baixo, à canção “Leviana”, de Reginaldo Rossi. O hit imortalizado na voz de Rita Lee, “Ovelha Negra”, também fez a galera fazer coro com o vocalista Alan Lins.

 

Dez Artistas e Uma só Voz

A prefeita Célia Rocha, que acompanhou desde a abertura até a última canção entoada pelos dez cantores que participaram do Viva Nossos Artistas, disse, para a reportagem do Portal 7Segundos no início da festa, que gostaria que toda Arapiraca estivesse ali. Bem, no local, podia até não ter a multidão que deve comparecer hoje e amanhã, mas os arapiraquenses que foram não deixaram de se emocionar e se orgulhar dos artistas que deram, de fato, um grande show.

Cada músico interpretou três canções e, ao final, todos subiram ao Palco Perucaba para entoar a “Canção da América”, de Milton Nascimento, em homenagem ao músico ARI DE QUEIROZ. Um público atento, emocionado, que interagiu nos dez diferentes shows, que dançou e gritou, esteve ali – de corpo e muita alma- para realmente prestigiar o trabalho de qualidade dos cantores.

O cantor PAULINHO foi o primeiro a mostrar a voz. E já começou homenageando Alagoas ao cantar “Sina”, do conterrâneo Djavan. Em seguida, foi a vez de CÉSAR SOARES mudar o ritmo e trazer Raul Seixas com Metamorfose Ambulante. O público simplesmente foi ao delírio.

A primeira representante da voz feminina, a cantora ELAINE KUNDERA, fez quem estava no Lago da Perucaba silenciar para ouvir sua potente e suave interpretação de canções da Música Popular Brasileira (MPB).

NELSINHO SILVEIRA cantou “We are the Champions”, do Queen, e tocou o coração de muita gente. Já ERIBÉRIO fez questão de destacar a força feminina e homenageou as mulheres com rosas vermelhas lançadas do palco e com a canção “Rosa”, de Ana Carolina.

No palco, DIRA LINO fez interpretações impecáveis e encantou quem a viu cantar pela primeira vez. Visivelmente emocionada, ela deixou o público paralisado com sua bela voz.

Logo após, vieram JORGINHO que ganhou o público logo na primeira canção. Já ZÉ DULES relembrou o clássico “Saigon”, famoso na voz do imortal Emílio Santiago. Ele frisou a iniciativa da prefeitura de valorizar os artistas que fizeram de Arapiraca seu palco para viver e cantar. “Esse espaço dado a gente é multiplicado por centenas de músicos que estão sendo representados por nós”, declarou.

Para encerrar a saga dos dez músicos, LOURENÇO transmitiu toda a sua boa energia com a música “The Wall”, de Pink Floyd. Gritos de êxtase provaram que a decisão de valorizar os músicos da terra foi acertada.

Por fim, o que não pode deixar de ser citado foi a banda–base que fez as músicas ganharem ainda mais vida. Trabalho profissional e que mostrou a excelência ao acompanhar diferentes ritmos e estilos.

Como uma bênção dos céus, a chuva fininha começou a cair já na madrugada, como que alguém lá de cima dissesse: “E a música foi feita”. No mais, noite e madrugada tranquilas, sem registro de incidentes, com policiamento presente, além dos bares que serviram de pit stop para quem foi prestigiar os shows e ambulantes que faturaram com a venda de bebidas e lanches.

Fonte: Portal 7 Segundos, 15 de novembro de 2013.

[ Fonte (link): http://7segundos.com.br/noticias/editoria/alagoas/primeiro-dia-do-viva-arapiraca-emoco-e-musica-de-qualidade-com-artistas-locais/28903 ]

[ Editado por Pedro Jorge ]

2 Respostas para “VIVA NOSSOS ARTISTAS – 2013

  1. Comentário 1 (Viva Arapiraca! – 2013)
    “Achei uma falta de consideração com os artistas e o público na questão: horário. Sou pontual, sempre cumpro com minhas obrigações e horários. Para prestigiar meus amigos músicos até fui mal educado com San Miranda, por estar demorando a se “arrumar”. Pois é, divulgam que o show começaria 20:00 hs e me apressei para chegar a tempo e chegando no local o pessoal ainda estava passando o som, falei com meu amigo Lourenço Roque o qual me informou que começaria 23:00 hs. É mole? Fiquei P. da vida sai e retornei mais tarde quando o show já tinha começado não sei exatamente que horas”.
    Jorjão Evangelista (músico arapiraquense)
    [ Fonte (frase): facebook de Jorjão Evangelista ]

  2. Comentário 2 (Viva Arapiraca! – 2013)
    “No que se refere ao show em geral não fiquei surpreso pois conheço os músicos e sei de suas qualidades, mas minha opinião sobre esse show especificamente, fiquei maravilhado com o que assisti. O som excelente, os músicos e o repertório melhor ainda. “Engraçado” é que algumas pessoas e alguns músicos reclamam de falta de oportunidade e quando a oportunidade chega o “povo” não comparece e não prestigia e isso me deixou extremamente indignado com essa falta de prestígio. O show não deixa literalmente nada a desejar em comparação a o que chamam “grandes shows”. Ás vezes vem cada m… de fora com custos altíssimos, pagamentos adiantados e que não chegam aos “pés” dos músicos de nossa cidade. A banda muito boa, músicos de altíssimas qualidades, etc. Parabéns a todos. Representaram muito bem nossa humilde cidade”.
    Jorjão Evangelista (músico arapiraquense)
    [ Fonte (frase): facebook de Jorjão Evangelista ]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s