Auvanildo Araújo

 
 Nome completo: Auvanildo Alves Araújo
Nome artístico: Auvanildo Araújo
Codinome: “O mais romântico dos cantores sergipanos”
Data de nascimento: (carece de fonte)
Local: Aquidabã/SE
Gêneros: Popular-romântico, seresta, bolero e guarânia.
 
 
PERFIL – Auvanildo Araújo
 
Nascido no município de Aquidabã/SE, o cantor Auvanildo Araújo traz em suas veias a arte musical peculiar aos seus ascendentes.
 
Detentor de primeiros lugares nas paradas das competições à época dos festivais estudantis, o intérprete se iniciou
apresentando-se em bailes e shows com o conjunto musical os Átomos, da cidade de Propriá/SE, emplacando sua carreira nas décadas de 1980 e 90, quando se tornou crooner e líder da Orquestra Gold Times de Aracaju/SE.
 
Nos palcos dos grandes clubes do Brasil, Auvanildo Alves Araújo, ou simplesmente Auvanildo Araújo,  emoldurava músicas do cancioneiro romântico sem fronteiras.
 
Lançou seu primeiro álbum, em 1998, com o selo da gravadora Ouro Record, fazendo expressivo sucesso com “Fala de Uma Vez”, música que intitulou o CD.
 
Em 2001, gravou Romântico Sempre com 14 faixas incluindo compositores sergipanos, a exemplo de Antônio Carlos du Aracaju.
 
Em 18 de maio de 2004, o cantor foi agraciado pela Câmara de Vereadores com um título de Cidadão Aracajuano conferido pela resolução número 21 de 23 de setembro de 2003. Também em 2004 dedicou aos seus inúmeros fãs, o álbum, Guarânias, Boleros e Baladas, contendo 18 músicas traçadas em pout-pourri.
 
Já em 2007 dedicou tributo a Altemar Dutra, interpretando 23 sucessos. Em 2008, Auvanildo apresentou ao seu público mais uma obra com músicas inéditas de sua autoria e de novos compositores, denominado “Vezes Dez, Vezes Mil”.
 
Em 2009, o projeto “Êxitos de Sergipe / Auvanildo Canta José Augusto”, capitaneado pelo professor Ludwig Oliveira, foi recepcionado de forma calorosa pelo público sergipano.
 
[ Fonte:  Entre Amigos na TV / http://www.entreamigosnatv.com.br ]
 
 ______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________
 
LANÇAMENTO / 2011
 
O sergipano Auvanildo, famoso cantor de serestas, lançou no dia 20 de Março de 2011 na AABB da Cidade de Arapiraca/AL, o seu mais recente CD, Romances em Preto e Branco, com o apoio do BNB ( Banco do Nordeste do Brasil ).
 
[ Fonte: www2.jornaldacidade.net ]
 
______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________
 
Fantasias á Beira do Mar ( “Desejos do Coração” )
Por Pedro Jorge
 
Um dos maiores sucessos de Auvanildo Araújo é a lindíssima música “Fantasias á Beira do Mar”, uma verdadeira obra de arte, composta por Abelha e com a excelente participação especial de Elisley.  
 
Num dueto marcante a voz de Auvanildo, que tem um timbre parecido com o de Altemar Dutra, se encontra com a voz de Elisley, cuja apoteose acontece  na parte final da canção. Esta canção foi carro-chefe do álbum Romântico Sempre, lançado em 2001.
 
Atualmente o cantor e compositor Auvanildo  Araújo reside em Arapiraca/AL, onde trabalha como agente de desenvolvimento do BNB (Banco do Nordeste do Brasil), dando também continuidade em sua carreira artística.
Ele está trabalhando na pré-produção de seu novo CD , somente com músicas inéditas,  e contando com o apoio cultural do BNB.
 
 
DISCOGRAFIA BÁSICA
 
* “Fala de uma Vez “/ 1998;
* ” Romântico Sempre” / 2001;
* “Guarânias, Boleros e Baladas” / 2004;
* “Tributo a Altemar Dutra” / 2007;
 * “Vezes Dez, Vezes Mil” / 2008;
 * “Auvanildo Canta José Augusto” / 2009* “Romances em Preto e Branco” / 2011.
 
 
______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________
 
 
 
NOTÍCIAS | CURIOSIDADES – 18 DE SETEMBRO DE 2012
 
Cantor Auvanildo Comemora 60 Anos Com Amigos de AL e SE / Artista escolheu Arapiraca para celebrar a data
Por Paulo Marcello ( Repórter )
 
Um dos mais importantes nomes da música popular-romântica do Nordeste do Brasil completa, nesta terça-feira, dia 18 de setembro, 60 anos de idade. Trata-se do sergipano da cidade de Aquidabã, Auvanildo Alves Araújo, conhecido apenas por Auvanildo Araújo.Com a popularidade que alcançou durante toda a sua carreira com apresentações em Sergipe, Alagoas, Pernambuco e outros estados da região Nordeste, ganhou o título de “O Mais Romântico dos Cantores Sergipanos”.

Auvanildo, funcionário de carreira do BNB (Banco do Nordeste do Brasil), em Arapiraca/AL, é considerado um dos maiores representantes da música popular romântica, capaz de navegar por vários gêneros desde a seresta, passando pelo bolero e guarânia.

[ Fonte:  http://www.7segundos.com.br/noticias/editoria/curiosidades/cantor-auvanildo-comemora-60-anos-com-amigos-de-al-e-se/14927  ]
 
______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________
 
TRIBUTOS  / Aos Cantores José Augusto “Sergipano” e  a Altemar Dutra 
 
 
Os administradores dos blogs Arapiraca Legal/Artistas Arapiraquenses e Cantores do Nordeste e Auvanildo Araújo – “O Mais Romântico dos Cantores Sergipanos”, prestam tributos aos saudosos  José Augusto “Sergipano”  ( primo de Auvanildo ) e a Altemar Dutra.
 
 
 
 
 
TRIBUTO-1 / José Augusto “Sergipano”  (Aquidabã/SE, 03/10/1936 – Feira de Santana/BA, 05/12/1981 )
 
José Augusto Costa (ou José Augusto “Sergipano” ou ainda, José Augusto “Velho”) nasceu na Avenida Santa Terezinha, na Baixinha, em Aquidabã/SE.Em sua cidade natal fez os seus primeiros estudos, e depois veio morar em Aracaju, concluindo o 2º grau.Em 1953, estudava, e trabalhava na primeira linha de ônibus coletivo de Aracaju.
 
Filho mais novo (seis irmãos) de Maria Adolfina Costa e de Januário Bispo dos Santos.O jovem José Augusto cantava nas festinhas das escolas e festas de aniversários, pois, a sua vocação para cantor aflorou em plena juventude.Gravou mais de 200 músicas, em 22 LPs, iniciando a sua carreira de cantor, um sonho de menino, na gravadora Chantecler, os primeiros sucessos de sua vida profissional, gravando também em outras
gravadoras.
 
Em 1956, foi para São Paulo tentar ser cantor. Lá, ainda fez um ano do curso de Medicina, mas desistiu por causa da música. Participava de todos os shows de calouros que sabia. Em muitos, ganhou prêmios. Em 1964 lançou seu primeiro LP e fez grande sucesso com a música “Cantando para não chorar”.
 
Casou-se com Arisdete e teve dois filhos.O seu nome “estourou” nos principais programas radiofônicos da capital paulistana, fazendo sucesso retumbante, admirado pelos nordestinos e pelos brasileiros de um modo em geral.
 
Viajou por todo o país fazendo shows, apresentando-se, em palcos dos cinemas (na época os cinemas eram os principais locais para a apresentação dos artistas. Era a voz mais bonita que se tinha conhecido. As emissoras de Aracaju tocavam os seus discos, diariamente, fato que se repetia em todo o Brasil.
 
José Augusto, com uma agenda cheia de compromissos, ao saber da hospitalização da sua genitora, Dona Adolfina, às pressas foi para Aracaju. Por exigência do empresário, viajou para dar um Show em Bonfim, na Bahia, agendado anteriormente, sendo vítima de uma colisão automobilística, perto de Feira de Santana, morrendo instantaneamente, na estrada onde ocorreu o sinistro. O seu corpo foi sepultado, no jazigo da família, no Cemitério de Santa Isabel.
 
[ Fonte: Glória on Line / memoriadampb.multiply.com ]
 
______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________
 
 

 
TRIBUTO-2 / Altemar Dutra – “O Trovador das Américas” 
 
Altemar Dutra de Oliveira (Aimorés, 6 de outubro de 1940 — Nova Iorque, 9 de novembro de 1983) foi um cantor brasileiro. Sucesso em toda a América Latina, interpretando obras como “Sentimental Demais”, “O Trovador”, “Brigas” e “Que Queres Tu de Mim”, boa parte das canções de autoria da dupla Evaldo Gouveia e Jair Amorim, foi progressivamente destacando-se no gênero musical bolero. De fato, veio a ser aclamado como o “Rei do Bolero” no Brasil.
 
Início da Carreira
 
Iniciou sua carreira na Rádio Difusora de Colatina, no
Espírito Santo, localidade para onde sua família havia se
mudado, cantando uma música de Francisco Alves. Antes de
completar sua maioridade, seguiu para o Rio de Janeiro,
levando uma carta de apresentação para o compositor Jair
Amorim, que o encaminhou a amigos do meio artístico. Tentou a
sorte como crooner em boates e casas de espetáculos.
 
Primeiro Disco
 
Gravou seu primeiro disco na Tiger, com “Saudade que vem”
(Oldemar Magalhães e Célio Ferreira) e “Somente uma vez”
(Luís Mergulhão e Roberto Moreira). Por volta de 1963, foi
levado por Jair Amorim para o programa Boleros Dentro da
Noite, na Rádio Mundial, e no mesmo ano Joãozinho, do Trio
Irakitan, levou-o para a Odeon, onde foi contratado. Logo
atingiu os primeiros lugares nas paradas de sucesso com Tudo
de mim (Evaldo Gouveia e Jair Amorim), tornando-se conhecido
em todo o Brasil.
 
Carreira Internacional
 
Em 1964 gravou com grande sucesso Que queres tu de mim, O
trovador, Sentimental demais e Somos iguais (todas de Evaldo
Gouveia e Jair Amorim). Destacou-se também na América Latina,
fazendo apresentações em vários países e gravando um LP com
Lucho Gatica: El bolero se canta así.
 
Com suas versões em espanhol, chegou a vender mais de 500 mil cópias na América Latina.
 
Depois de ter dominado as paradas de sucesso locais, a partir de 1969 passou a conquistar fãs de origem latina nos EUA. Em pouco tempo tornou-se um dos mais populares cantores estrangeiros nos EUA. Apresentava um
show para a comunidade latino-americana, no clube noturno “El Continente”, em Nova Iorque, quando faleceu aos 43 anos, de derrame cerebral. Foi casado com a cantora Marta Mendonça, tendo dois filhos, Deusa Dutra e Altemar Dutra Júnior, este também a seguir carreira artística.
 
 
Discografia
1963 – “Mensagem”
1963 – “A Grande Revelação”
1964 – “Sentimental Demais”
1964 – “Que Queres tu de Mim”
1965 – “Eu te Agradeço”
1966 – “Sinto que Te Amo”
1967 – “Dedicatória”
1969 – “O Trovador das Américas”
1970 – “O Romântico”
1971 – “Altemar Dutra”
1971 – “Companheiro”
1972 – “A Força do Amor”
1973 – “Altemar Dutra”
1974 – “Enamorado”
1975 – “Amor de Pobre”
1976 – “Amigos”
1977 – “Sempre Romântico”
1978 – “Mais Sentimental”
1979 – “Altemar Dutra”
1980 – “Especialmente pra Você”
1980 – “Siempre Romantico – 25 Boleros Inolvidables”
1981 – “Eu Nunca Mais vou te Esquecer”
1982 – “Estranho Amor”
1983 – “Inédito”
1984 – “Altemar Dutra”
1989 – “O Trovador das Américas”
1990 – “Especial – Altemar Dutra”
1992 – “Nunca mais vou te Esquecer”
1994 – “Meus Momentos – Altemar Dutra”
1997 – “Meus Momentos Vol.II – Altemar Dutra”
2000 – “Bis- Altemar Dutra”.
 
[ Fonte: wikipédia / pt.wikipedia.org ]
 
[ Editado por Pedro Jorge / E-mail: pjorge-65@hotmail.com ]
______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________CONTATOS PARA SHOWS  /  Auvanildo Araújo

( Carece de fonte )

13 Respostas para “Auvanildo Araújo

  1. Olá Auvanildo, Bom dia, saúde e paz…
    Aqui, Manoel Soares, benebeano aposentado, já residindo em Arapiraca/AL, desde Março/2010.
    Nos vimos qd eu trabalhava no bnb Propriá/SE, vc no Bradesco; foste aprovado no bnb; aí, então, fui removido para o bnb de Mata Grande/AL, depois Batalha/AL, Maribondo/AL, e depois Garanhuns/PE, onde me aposentei (Janeiro/2000), mas lá, passei 24 anos; agora, “velho” e cansado, vim ficar mais próximo dos familiares…
    Tenho acompanhado algo do seu trabalho – Serestas, através de alguns amigos- quem tem talento a gente, direta ou indiretamente, se liga. Lhe felicito por continuares no bnb; pois, muitos não aguentaram…; que Deus te abençõe, te ilumine e guarde sempre.
    Abraços,
    Manoel Soares ( Mansoar ) / E-mail: mansoar33@hotmail.com

  2. Eu, Lindomar Vieira Barros, filho de LINDAURO OLIVEIRA BARROS (seresteiro) não tive o dom dele (cantar nem tocar) mas aprendi a gostar da verdadeira música, e você Auvanildo é um ícone da música, através de você relembro meu Pai que cantava também entre outros, músicas de Altemar Dutra. Parabéns pelo seu trabalho e que Deus te ilumine sempre. Grande Abraço…

  3. Auvanildo sucesso, paz e muita saúde. Você merece!
    O que lhe deseja Paulo Barros, seu amigo de Palmeira dos Índios.

  4. Nós administradores do Blog Arapiraca Legal agradecemos de coração aos leitores Manoel Soares, Lindomar Vieira e Paulo Barros pelos comentários enviados para o post de Auvanildo Araújo.
    Aproveitamos a oportunidade para desejar a todos os leitores do Blog um FELIZ NATAL e um PRÓSPERO ANO NOVO repleto de saúde, sucesso, felicidade e paz.
    São os sinceros votos dos administradores do Blog Arapiraca Legal, Gilvan J. S. e Pedro Jorge.

  5. Oi Auvanildo, tudo bem? Vc lembra das suas dos seus primeiros passos com cantor?, vamos lá;
    – Ensaia no porão da casa do Sr. Normando (Propriá/SE);
    – Estou falando de ” Os Vogais” lembra-se?;
    – Viagens de camoa p/São Bráz;
    – Lembra-se de: Tonho Sanfoneiro, Sivuca, Vertinho, Durval Mariano, Tonho Monteiro, João Dereque, faltou alguém? Há Zé Gomes, tem tempos que não o vejo…
    Em setembro/2011, fui a Aracaju e logocamente fui na AABB e vi seu belíssimo Show,
    inclusive vi muitos outros músicos de Propriá: João Bolinha, Cardeal, Jeferson…
    Meu amigo Auvanildo, moro muito longe de minha terra querida Sergipe, mas estou atento a tudo!
    São Paulo – mar/2012
    Um abraço de seu amigo, Sivuca (São Paulo-mar/2012).

  6. Olá meu velho amigo Auvanildo, desejo-lhe muita saúde e sucesso juntamente com seus familiares. Quem vos escreve é Jairo Lopes (seu mecânico do Médici em Aracaju/SE).
    Para você se lembrar foi a pessoa que trouxe seu primeiro microfone sem fio. Quando vim em Aracaju me dê um alô. O número do meu telefone é 79-88220025 (oi) ou 79-91621606(Tim).

  7. Olá meu amigo, meu irmão, não sei como chamá-lo, então assim espero que caibam as duas expressões, quanto tempo se passaram desde quando conheci não só o Auvanildo mais a sua familia. Familia linda, familia honrada, esposa (Ivanda) maravilhosa e filhos dóceis, vocês moram no meu coração e no coração dos meus familiares. Que Deus o nosso Grande Arquiteto do Universo abençoe a todos.
    Abraço do amigo Pepê. Água Branca – Alagoas.

  8. Tive o prazer de conhecer pessoalmente e até tirar fotos ao lado desse que é na minha opinião um dos melhores cantores da atualidade. Quero dizer que me sinto orgulhoso de ser conterrâneo desse filho ilustre aquidabãense. Um forte abraço a todos os cidadãos arapiraquenses, cidade que desejo conhecê-la, terra que aprendi a admirar mesmo sem conhecer, desde criança quando ouvia o programa do radialista Nelson Filho.

  9. Ele foi com certeza um dos maiores intérpretes da nossa música, e nunca foi reconhecido.
    Foi ai que teve a ideia de cantar boleros aonde se superou e virou o maior.

  10. Meu caro Auvanildo! Sou Adonias, do BNB Fortaleza, já aposentado! Estive adido em Laranjeiras-SE., onde tive o grande prazer de conhecer você! Estimaria manter novos contatos. Escreva-me: (adonias57@yahoo.com.br)
    Grande, forte e saudoso abraço!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s