Zé do Rojão

Zé do Rojão

” Sou um homem completo pois tenho minha família ao meu lado. Arapiraca é minha grande paixão e a música e a poesia são meus amores “. – (Zé do Rojão)
 
[ Fonte ( frase ) http://www.arapiraca.al.gov.br ]
 
 Ficha:
Nome completo: José Cícero dos Santos
Nome artístico: Zé do Rojão
Data de nascimento: 27/02/1938
Local: Taquarana/AL
Gênero: Forró.
 
 
BIOGRAFIA – Zé do Rojão
 
Zé do Rojão, o pioneiro da Rádio Novo Nordeste AM , estreou O Rojão do Nordeste, primeiro programa da emissora que foi ao ar em 21 de agosto de 1976, ás 5 horas da manhã. Desde então ás famílias nordestinas acostumaram-se a tomar o café da manhã em tão boa companhia.
 
Ao mesmo tempo em que apresentava seu programa na Novo Nordeste AM atuou também por alguns anos nas tardes da Rádio Sampaio AM de Palmeira dos Índios/AL.
 
1954 – Teve início em sua trajetória de vida a ligação com a radiodifusão, aos 16 anos, durante o período que morou em Maceió/AL, conheceu pessoas ligadas á radiodifusão de Alagoas onde deu seus primeiros passos, fazendo parte aos domingos do programa Vesperal das Senhorinhas, da famosa apresentadora Odete Pacheco.
 
1960 – Na Rádio Clube em Arapiraca, participou junto com amigos, em um programa de música regional, foi o período que se descobriu com um timbre de voz caracteristicamente nordestino.
 
1966 – Durante um ano, das 5 ás 7 horas da manhã, atuou na Rádio Antena de Publicidade, em Arapiraca, com o programa Alegre Amanhecer.
 
 
 
 
Currículo Musical / Discos:
 
Em 1960, José Cícero passou uns dias em Sergipe onde se apresentou no Canal 8 – TV Aperipê, e por várias vezes cantou na Rádio Liberdade de Aracaju/SE. Seu nome foi aparecendo na região de Sergipe e interior de Alagoas, passando a cantar em várias Cidades.
 
Em 1971, o Maestro Jovelino Lima produziu um compacto na Gravadora Rozenblit de Recife/PE e Zé Cícero gravou um “Rojão”. foi um grande sucesso em sua carreira artística, então o maestro Jovelino deu um novo nome ao cantor, surgindo daí o Zé do Rojão.
 
Em 1974, participou de uma excursão ao Estado da Bahia, patrocinada pelo  Grupo Coringa, que lançava naquela época seus produtos na região, Zé do Rojão se apresentou na Emissora Rural em Petrolina/BA, no programa sertanejo No Forró da Cuia Grande de onde foi conquistando popularidade além das fronteiras.
 
Com início de sua carreira como radialista, Zé do Rojão foi se projetando rapidamente no meio artístico ao mesmo tempo em que fazia parte do casting da Rádio Novo Nordeste AM, se apresentando em festas juninas, festas dos santos, circos, vaquejadas,  festas de emancipação política, comícios,  festas de folclore, e outros eventos regionais do interior de Alagoas.
 
Pela Rozenblit gravou em 1979 o LP Boca de Forno, o 1º de uma série de músicas juninas, um grande sucesso com o notável acompanhamento do Sanfoneiro Basto Peroba.
 
Em 1980, gravou o LP Boca de Forno – Volume 2, outro grande sucesso e ainda um compacto intitulado Zé do Rojão Canta o Novo Nordeste.
 
Seu trabalho mais recente é o CD Zé do Rojão, Poesias Matutas, uma coletânea de poesias matutas de sua autoria e de outros grandes poetas. Em sua carreira artística Zé do Rojão cantou em apresentações ao lado de Genival Lacerda, Trio Nordestino, Luiz Gonzaga, Jacinto Silva, Mestre Zinho, João do Pife e outros astros da música popular nordestina.
 
Por volta de 1947, conhecido por Zé Cícero, se apresentou nas feiras de Cana Brava, acompanhado pelo Sanfoneiro Zé  Luiz.
 
Fragmentos de Vida:
José Cícero dos Santos é natural ao antigo distrito de Cana Brava – atual Taquarana, que na época pertencia ao município de Limoeiro de Anadia. Primeiro filho do casal Pedro Silvestre e Regina Rosa dos Santos, nasceu no dia 27 de fevereiro de 1938. Aos 6 meses foi trazido pela família para Arapiraca. Com 7 anos a família se transferiu para o Povoado Lagoa do Rancho, atual Vila São José. Aos 14 anos o adolescente José Cícero foi trabalhar na padaria do Sr. José Nobre, e nos finais de semana tocava pandeiro nos forrós e sítios da redondeza.   
 
Mais adiante em 1957 foi servir o Exército Brasileiro no quartel do 20 BC – Vigésimo Batalhão de Caçadores. Após um ano na caserna foi dispensado e voltou para Lagoa do Rancho, retomando o trabalho na padaria. Dois anos depois, em 1959 casou-se com a jovem Marilza Matias dos Santos, em Coité do Nóia. Desse matrimônio nasceram 5  filhos: Jackson, Jacy, Jailson, Jadielson e Jair Matias dos Santos.  O casal ainda adotou Claudiane Lima da Silva.
 
Além de radialista, cantor, compositor, forrozeiro, foi vereador pelo Município de Coité do Nóia eleito em l982, pelo PDS. Durante este período continuou seu trabalho na Rádio Novo Nordeste AM. Zé do Rojão com seu vozeirão caracteristico e sua animação inconfundível continua com a mesma voz e dedicação , prestando uma grande contribuição a música regional nordestina, divulgando Arapiraca e alegrando semanalmente o povo do Agreste e Sertão.
 
Em 2010, a Rádio Novo Nordeste AM – onde atuou por mais tempo da sua vida – em um justo reconhecimento ao seu talento “batizou” um moderno stúdio com o seu nome artístico.
 
Exposição O Rojão do Nordeste:
Aproveitando o ensejo, o Museu Zezito Guedes lhe prestou uma homenagem como reconhecimento de seu inestimável valor e de sua importante atuação no rádio arapiraquense. A exposição O Rojão do Nordeste, em homenagem ao grande mestre do rádio interiorano Zé do Rojão,  permaneceu aberta até o dia 17 de  Setembro de 2011 no Museu Zezito Guedes ,  localizado na Praça Luiz Pereira Lima.
 
[ Fonte: Acervo cultural do ” Museu Zezito Guedes ” (Exposição) – Arapiraca (AL) ]
 
________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________
 
FRASES 
 
“Zé do Rojão, foi o primeiro locutor da Rádio Novo Nordeste AM , era sua voz, com boa dicção que despertava a ‘ nação agrestina ‘ com música de raiz,  forró pé-de-serra e declamações de poesias matutas  de autoria de Zé da Luz,  Catulo da Paixão Cearense, e tantos outros”.
Roberto Gonçalves ( Jornalista )
 
“Zé do Rojão continua encantando gerações. É sem sombra de dúvidas um dos patrimônios vivos de Arapiraca”.
Kyka Tenório ( Diretora do Museu Zezito Guedes )
  
“O Novo Nordeste canta desassombrado na voz de Zé do Rojão. O verdadeiro Nordeste de hoje, super moderno, musicalmente avançado e que, graças a Deus, não perde a singeleza e a ternura das coisas bem nossas, cantadas ontem, hoje e sempre na história de nossa gente, que cada vez mais encontra novos e bons motivos para cantar”. – Rosa Maria Guerrera (  frase extraída do compacto Zé do Rojão canta o Novo Nordeste )
 
__________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________
 
Câmara Municipal Presta Homenagens ao Radialista Zé do Rojão e a Munir de Paulo, da Carajás (Por Cláudio Roberto, 28 de junho de 2012)
 
Com a presença de familiares, amigos e convidados, o radialista Zé do Rojão e Munir de Paulo, gerente da Carajás, receberam na noite desta quarta-feira, 27, os títulos de Cidadãos de Arapiraca/AL, outorgados pelo vereador João dos Santos. A solenidade que contou ainda com a presença de políticos da região Agreste e empresários de Arapiraca aconteceu no plenário da Câmara Municipal de Arapiraca.Os vereadores Daniel Rocha e Josias Albuquerque, parabenizaram o Poder Legislativo de Arapiraca por ter prestado uma homenagem a dois cidadãos que muito tem contribuído com o desenvolvimento da Cidade; um no setor radiofônico, defendendo Cultura da região e o outro, no ramo empresarial.
 
Daniel Rocha comparou os símbolos de Arapiraca, como o ASA, o Fumo e Rádio Novo Nordeste AM, a Zé do Rojão, afirmando, que o radialista, cantor e compositor, também faz parte da história do município. O autor dos dois projetos concedendo as homenagens, o vereador João dos Santos, falou da importância do trabalho de Munir de Paula com as lideranças comunitárias, onde tem participação ativa em programas de rádios da cidade.
 
Para João dos Santos, mesmo morando em Arapiraca, há pouco mais de dois anos, Munir de Paulo, tem contribuído de forma exemplar para a economia do Município, por isso, o Poder Legislativo prestava esta justa homenagem. Já ao falar sobre o outro homenageado, o radialista Zé do Rojão, João dos Santos, lembrou que todo arapiraquense conhece a voz de todas as manhãs do artista. João dos Santos salientou ainda, que prestar uma homenagem a duas importantes personalidades como Zé do Rojão e Munir de Paulo, é antes de tudo, reconhecer o trabalho de cada um em suas respectivas áreas. João dos Santos enalteceu a luta de Munir de Paulo, ao lembrar que ele realiza também um trabalho de informação, ao participar pela 96 FM Arapiraca, de um programa voltado para as comunidades.
 
Ao agradecer a homenagem, Zé do Rojão, que teve o seu currículo apresentado pelo seu filho, Jadielson, aproveitou a oportunidade, para agradecer ao responsável por tudo isso, que era o Dr. Judá Fernandes de Lima, o diretor-presidente da Rádio Novo Nordeste AM, quem lhe deu a oportunidade de mostrar o seu trabalho desde 1976, quando a emissora foi oficialmente inaugurada em Arapiraca.
 
Com o ar cansado, Zé do Rojão, ainda teve forças para declamar uma poesia do poeta Moacir Laurentino, O Poder dos Peitos, uma poesia em alusão a vida de um político que concorreu a uma eleição com uma jovem dos seios fartos. Ao concluir a declamação da poesia, Zé do Rojão foi aplaudido pelos presentes. Após a solenidade, foi servido para os convidados um coquetel em um restaurante da cidade.O outro homenageado, Munir de Paulo, agradeceu ao Poder Legislativo por ter aprovado o projeto lhe concedendo o titulo de Cidadão Honorário de Arapiraca. Ele aproveitou a oportunidade, para falar sobre as camadas sociais mais carentes, pedindo aos candidatos à prefeitura de Arapiraca, que olhem para estas pessoas que tanto necessitam. Munir de Paulo disse ainda, que este reconhecimento pelo seu trabalho, aumenta ainda mais a sua responsabilidade em continuar trabalhando pelo desenvolvimento do município.Comentário:”Merecida homenagem a este ícone da comunicação arapiraquense. Parabéns Zé do Rojão! Você merece… Sucesso, felicidade, saúde e luz. ‘O caso é sério e ninguém zomba da verdade’!!!” – Pedro Jorge ( Blog Arapiraca Legal ).
 
[ Fonte:   http://www.96fmarapiraca.com.br/noticias/editoria/politica/camara-municipal-presta-homenagens-ao-radialista-ze-do-rojao-e-a-munir-de-paulo-da-carajas/10356  ]
 
__________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________
 
BLOG / Ronaldo Oliveira*O Rojão é do Nordeste… Mas o Zé é Nosso
Por Ronaldo Oliveira* ( 15 de julho de 2012 )

Há mais de trinta e cinco anos uma voz forte e cadenciada acorda o povo alagoano. Com sua linguagem simples este vulto da comunicação nordestina foi o responsável pela formação de toda uma geração. Valorizando o trabalho, a cultura do nosso povo, a boa música dos Sertões e a credibilidade de Zé do Rojão forjaram um linguajar todo especial.

Zé do Rojão é um destes personagens que toda a cidade conhece e reconhece, e o Rojão é este conterrâneo; Vai moendo, vai moendo; a preguiça é a chave da pobreza; o trabalho enobrece o homem. Tão importante como ouvir os bordões do Zé é apreciar seu dom quase que exclusivo para a declamação poética popular. Ouvir Zé do Rojão é viajar pelas paisagens deste grande Sertão nordestino… é se colocar no poema e nas histórias contadas por este mestre da cultura popular… é passear poeticamente pela imaginação inspiradora da poesia. Deus te abençoe Zé e continue como guardião e salvaguarda da nossa cultura popular.

Comentários:
“Parabéns a vc Ronaldo e como é bom saber de pessoas como vc sabem e garantem que Zé do Rojão é nosso, sei que fazer cultura não é fácil, mas por pessoa como vc é que existe pessoas como nosso Zé do Rojão. Parabéns”.
Jadielson (15/07/2012).

“Mais uma vez parabéns pra você, Ronaldo, com essa sapiência que lhe é peculiar. Realmente o ZÉ é nosso e o boi NÃO LAMBE!!!”.
Miguel Alves (16/07/2012).

Nota: *Ronaldo Oliveira é radialista, administrador de empresas, escritor e membro da ACALA (Academia Arapiraquense de Letras e Artes).

[ Fonte: http://7segundos.com.br/blogs/ronaldo-oliveira/82  ]

__________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

PROGRAMA ROJÃO DO NORDESTE / Rádio Novo Nordeste AM

Nota: Click no Link Abaixo Para Escutar o Programa  Rojão do Nordeste Apresentado Por Zé do Rojão e Seu Filho, Jadielson Matias, Todos os Sábados, das 5 ás 7 hs, Pela Rádio Novo Nordeste AM de Arapiraca/AL.

http://tunein.com/radio/R%C3%A1dio-Novo-Nordeste-570-s107305/

__________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

Zé do Rojão: Cantor é Patrimônio Vivo da Música Regional – Aos 75 anos, recebe homenagens pelo legado que construiu na música
Por Kamylla Lima (Repórter) – (13 de outubro de 2013 )

A voz grave preenche todo o ambiente. Aos 75 anos, o ícone da música regional conta com leveza a sua trajetória. Com uma memória impressionante, Zé do Rojão revela detalhes da sua história como artista, que vem desde a época em que saía escondido de casa para cantar – ainda menino –, e se mistura com o nascimento da rádio Novo Nordeste, há 37 anos, quando emprestava sua voz para imortalizar o primeiro dia de funcionamento da NN com o programa Rojão do Nordeste.

“Eu não saio da Novo Nordeste porque nunca tive divergência com ninguém”, garante ele. “O estúdio que tem lá (na rádio) leva meu nome. Tem também um retrato bem grande me homenageando”, relembra. E não é para menos. A homenagem é para o homem, que se classifica como “programador”, e na madrugada de 21 de agosto de 1976 proferia as primeiras palavras na recém-inaugurada emissora. A contribuição dele é tanta que o programa ainda está no ar, no mesmo horário, das 5h às 7h, aos sábados.

José Cícero dos Santos ganhou o apelido de “Rojão” por conta do ritmo que canta, seguindo os passos de Jackson de Pandeiro. Foi a junção perfeita: a simplicidade do “Zé” com a explosão do estilo musical regional definem bem a personalidade do artista, que candidamente não cansa de ofertar declarações apaixonadas à esposa Maísa Matias, com quem é casado há 54 anos. Quando lembra da época das andanças do marido Nordeste afora, ela ri e não se incomoda em dizer que ele era “perigoso” com as outras mulheres. Apesar disso, ele faz questão de ressaltar: “Só hoje sei o que é o casamento, o verdadeiro sentido do companheirismo”.

Com mais tempo em casa, atualmente Zé se divide entre o programa, que vai aos sábados, o carinho com a família e os eventos das muitas homenagens que recebe. O tempo para aproveitar tudo isso vem depois de uma época de corre-corre.

Nasce um Ícone
Sem o apoio do pai, aos 12 anos de idade ele saía escondido do Sítio São José, em Arapiraca, para tocar pandeiro e cantar. “Ele (o pai) só ficou feliz depois que viu que eu cantava direitinho”, lembra ele com um sorriso de saudade. E assim o ícone ia nascendo, mesmo sem ter noção do tamanho da sua importância no futuro.

De convite em convite, de festa em festa – fosse nos cabarés ou até mesmo na rua – o pandeirista não negava uma “tocada”. Aos 22 anos, casou. Para sustentar a família, se equilibrava no trabalho durante o dia e cantava à noite. Até que chegaram dois momentos marcantes: as excursões; uma com o Trio Nordestino e a outra com o “Rei do Baião”, Luiz Gonzaga. Zé do Rojão abriu os shows dos dois por uma temporada cada. Sobre “Mestre Lua”, Zé lembra que era “a animação em pessoa”. Sobre as excursões, recorda-se com saudade das idas aos cabarés e das divertidas conversas.

Em uma época de ouro do rádio, Zé era visto como ídolo em Arapiraca e na região. O seu desempenho na Novo Nordeste lhe rendeu convites para outras rádios, inclusive a Rádio Sampaio AM, em Palmeira dos Índios-AL; gravou um LP e participou de outros dois. Rojão chegou a se arriscar na política, foi vereador por oito anos em Coité do Nóia – onde ganhou o título de cidadão honorário –, mas diz que “política nunca mais”.

Mesmo enveredando pelos corredores da Câmara, as pessoas não esqueciam o cantor. Assim, prevaleceu o lado artístico e José Cícero já era o grande Zé do Rojão. “Muita gente tem respeito sério sobre mim até hoje”, afirma com satisfação.

Radialista, Compositor, Cantor e Declamador
Já não bastava ser bom em cantar e tocar, tinha que declamar bem. Apesar de ter apenas o 4º ano primário, declama poesia como ninguém. Sobre este outro dom, ele mesmo explica: “Ler poesia todo mundo sabe, mas declamar é um dom”. Zé conta que lê as poesias umas três ou quatro vezes e aprende para falar no programa. “Aprendi tudo no montão de livros que tenho em casa”, acrescenta o artista, que lançou um CD com poesias recitadas.

Defensor assíduo da música regional, faz questão de dizer que “não toca música de duplo sentido” em seu programa. E também não ouve. Fã de Jackson do Pandeiro, conta que está feliz porque o baião ganhou uma roupagem nova, mas no auge de seus 75 anos – após passar por momentos difíceis no hospital, recentemente; resultado de seus muitos anos como fumante – ele diz que “antigamente as canções eram melhores”. Sem fazer shows há cinco anos, ainda mostra o vigor de um menino com ternura ao falar que gosta de música, sobretudo a regional, a nordestina.

6 COMENTÁRIOS
1. Francisco de Assis Chaves (13/10/2013)
Parabéns Zé do Rojão, é realmente merecida essa homenagem a você, independente de ser patrimônio vivo, você será eterno. Que DEUS lhe permita ainda muitos anos aqui conosco. Um forte abraço do seu amigo Assis da Caixa.

2. RONALDO (13/10/2013)
ALEM DE TUDO ISSO É UM HOMEM DE BEM. PARABÉNS.

3. Jânio de Oliveira (13/10/2013)
Parabéns amigão, felicidades…

4. Carlos (13/10/2013)
Esse sim merece todas as homenagens desse estado. Parabéns Zé ve é tudo isso q muitos queriam ser.

5. Gilvan Rocha (13/10/2013)
Quanta alegria e felicidade em saber que o Sr José está recebendo merecida homenagem em vida, Arapiraca e todo Agreste só tem a agradecer por tudo que ele nos proporciona.

6. Romero Araujo da Silva (13/10/2013)
Tinha que receber essa homenagem vivo mesmo merecidamente. Parabéns!

[ Fonte: http://www.7segundos.com.br/noticias/editoria/alagoas/ze-do-rojao-cantor-e-patrimonio-vivo-da-musica-regional/27689 ]

________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

 

A imagem pode conter: 1 pessoa, em pé

TRIBUTO (Zé do Rojão)

Os administradores do blog Arapiraca Legal, Pedro Jorge e Gilvan Juvino; DJ Felipe Batista de Belo Horizonte-MG (grande fã de Zé do Rojão); compositor Paulinho da Julita de Girau do Ponciano (AL); os radialistas e forrozeiros arapiraquenses e os conterrâneos alagoanos, prestam um tributo ao saudoso e inesquecível radialista, poeta e cantor, Zé do Rojão. Nossos pêsames a todos os seus familiares. Descanse em paz, amigo!!!

“O caso é sério e ninguém zomba da verdade!”
(Emblemática frase de Zé do Rojão).

NOTÍCIA 1 – Morre Radialista e Cantor Zé do Rojão, aos 75 Anos, em Arapiraca – Artista sofria de insuficiência respiratória e faleceu nesta madrugada
Por Paulo Marcello (Repórter) – (23 de novembro de 2013)

Faleceu na manhã deste sábado, (23), no Hospital Regional de Arapiraca, o radialista e forrozeiro Zé do Rojão, aos 75 anos. Ele sofria de insuficiência respiratória. O velório do radialista ocorrerá em sua residência na Rua Manoel Bernadino, 211, Bairro Eldorado.

No início de setembro ele teve que ser internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Afra Barbosa, após sofrer duas crises seguidas de insuficiência respiratória durante a noite. Com quadro estável, Zé do Rojão permaneceu alguns dias internado, mas retornou ao lar após recuperação.

No dia 15 de novembro, Zé do Rojão voltou a ser internado, desta vez em estado grave, na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Regional, em Arapiraca. Na oportunidade ele apresentou melhoras durante o final de semana, mas teve uma recaída e retornou ao Hospital no dia 19.

Na ocasião, os médicos informaram que o radialista respirava com ajuda de aparelhos e aguardam que os medicamentos fizessem efeito. Uma cirurgia não estava descartada. A família pedia que a população fizesse orações pela melhora do estado de saúde de Zé do Rojão.

Devido a gravidade do seu quadro clínico, o músico não resistiu e faleceu na madrugada deste sábado. A família ainda não informou o horário do sepultamento.

[ Fonte: http://www.7segundos.com.br/noticias/editoria/alagoas/morre-radialista-e-cantor-ze-do-rojo-aos-75-anos-em-arapiraca/29149 ]

__________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

NOTÍCIA 2 – Corpo do Radialista Zé do Rojão Será Sepultado Neste Domingo, às 9 hs, no Pio XII
Por Cláudio Roberto (24 de novembro de 2013)

Foi bastante intensa na tarde deste sábado (23) e continua ainda na noite de hoje, a movimentação de amigos e fãs ao velório do radialista Zé do Rojão, que morreu na manhã deste sábado, (23), no Hospital Regional de Arapiraca, depois de permanecer internado por vários dias na Unidade de Terapia Intensiva. No início da tarde, entre os amigos e fãs do radialista, o empresário José Alexandre dos Santos, compareceu ao velório que acontece na rua Manoel Bernardino, no bairro Eldorado.

Em conversa com alguns amigos e parentes do radialista, José Alexandre, de quem foi diretor de Zé do Rojão, na Rádio Novo Nordeste AM de Arapiraca, disse que a morte do radialista foi uma grande perda, principalmente na área musical.

Outro grande amigo de Zé do Rojão, que também compareceu ao velório para prestar sua solidariedade a família, foi o professor Sebastião Cândido. “Vamos sentir muita falta das gargalhadas do Zé do Rojão, nas manhãs da Novo Nordeste com o seu tradicional Rojão do Nordeste”, disse o professor Sebastião Cândido, ressaltando ainda, que não é apenas o rádio arapiraquense que perde um grande profissional, mas o estado de Alagoas e até o Brasil, porque a programação da NN AM era ouvida em todos os recantos brasileiros.

O sepultamento do radialista e forrozeiro Zé do Rojão, acontece às 9 hs da manhã deste domingo, no Cemitério Pio XII.

[ Fonte: Facebook Cláudio Roberto ]

__________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

NOTÍCIA 3 – O RÁDIO PERDE ZÉ DO ROJÃO – José Cícero dos Santos era Mistura Perfeita de Locutor e Poeta Nordestino

Dono de uma voz grave e um sorriso inconfudível, o radialista José Cícero dos Santos – carinhosamente chamado de Zé do Rojão, faleceu na semana passada aos 75 anos de idade. Em uma de suas entrevistas, ele contou que trecebeu o apelido por conta do ritmo que cantava, seguindo os passos do imortal Jackson do Pandeiro.

Natural da cidade de Taquarana-AL, Zé do Rojão saía de casa ainda menino para ouvir os artistas de rua e cantar junto com eles. Em 1954, teve início em sua trajetória de vida a ligação com a radiodifusão, aos 16 anos, durante o período que morou em Maceió-AL e conheceu pessoas ligadas á radiodifusão de Alagoas, fazendo parte aos domingos do programa Vesperal das Senhorinhas, da famosa apresentadora Odete Pacheco.

Rádio Clube
Quatro anos mais tarde, na extinta Rádio Clube de Arapiraca, participou junto com amigos, em um programa de música regional. Ele também pasou por emissoras de rádio em Sergipe. Em 1966, durante um ano, das 5 ás 7 horas da manhã, atuou na Rádio Antena de Publicidade, em Arapiraca, com o programa Alegre Amanhecer.

Em 1971, o maestro Jovelino Lima produziu um compacto na gravadora Rozenblit de Recife-PE e Zé Cícero gravou um “Rojão”. Foi um grande sucesso em sua carreira artística.
No ano de 1976, com a fundação da Rádio Novo Nordeste AM, Zé do Rojão começava uma carreira profissional que durou mais de 37 anos, inclusive o estúdio da emissora tem o seu nome. como forma de homenagear o dono da voz que imortalizou o nascimento da rádio.

Sucesso
Mesmo atuando no rádio, Zé do Rojão gostava sempre de cantar e gravar músicas, tendo lançado o LP Boca de Forno, o primeiro de uma série de músicas juninas, com um grande sucesso e notável acompanhamento de Basto Peroba. Em 1980 gravou o LP Boca de Forno – Volume 2, outro grande successo e ainda um compacto intitulado Zé do Rojão Canta o Novo Nordeste AM. Seu trabalho mais recente foi o CD Zé do Rojão – Poesias Matutas, uma coletânea de poesias matutas de sua autoria e de outros grandes poetas.

Em sua carreira artística Zé do Rojão cantou em apresentações ao lado de Genival Silva, Trio Nordestino, Luiz Gonzaga e Jacinto Silva, Mestre Zinho, João do Pife e outros astros da música nordestina.

Vereador
Além de radialista, cantor, compositor, forrozeiro, foi vereador do município de Coité do Noia, eleito em 1982, pelo PDS. Durante essse período continuou seu trabalho na Rádio Novo Nordeste AM. Zé do Rojão com seu vozeirão característico e sua animação inconfundível continua com a mesma voz e dedicação, prestando uma grande contribuição a música regional nordestina, divulgando Arapiraca e alegrando semanalmente o povo do Sertão e Agreste alagoano.

Em 2010, a Rádo Novo Nordeste AM onde atuou por mais tempo de sua vida e um justo reconhecimento ao talento “batizou” um moderno estúdio com os eu nome artístico. Aproveitando o ensejo o Museu Zezito Guedes lhe prestou uma homenagem como reconhecimento e seu inestimável valor e de sua importante atuação na radiofusão arapiraquense. A exposição “O Rojão do Nordeste” em homenagem ao grande mestre do rádio interiorano Zé do Rojão, permaneceu aberta até o dia 17 e setembro de 2011 no Museu Zezito Guedes, localizado na Praça Luiz Pereira Lima (antiga “Praça da Prefeitura”).

[ Fonte: Jornal “Expresso Alagoas”, 2 de dezembro de 2013 ]

 
[ Editado por Pedro Jorge / E-mail: pjorge-65@hotmail.com ]

46 Respostas para “Zé do Rojão

  1. Pedro Jorge,

    Primeiramente gostaria de parabeniza-lo pelo blog, está bem estruturado e certamente com um conteúdo muito rico para a preservação da nossa história. Contudo a respeito da exposição “O Rojão do Nordeste”, gostaria de retificar o período da exposição, que será até 17 de setembro de 2011.
    Patrícia Roberta (Coordenadora de Pesquisa e Acervo – Museu Zezito Guedes)

  2. Aí Zé do Rojão te ouvia todos os dias na Rádio Novo Nordeste de Arapiraca, o rojão do nordeste era sucesso na região; um abraço Zé, moro atualmente em São Paulo e te encontrei na internet valeu.

    • Eu sou de Coité do Nóia/AL, hoje vivo em São Paulo, mas sempre procurei notícias do “nosso Zé do Rojão”, pois cresci ouvindo a Rádio Novo Nordeste AM, minha mãe ligava o rádio para ouvir a abertura da rádio que era com a música de Cid Moreira e ai não parávamos mais de ouvir.

      Gostava muito dos poemas que Zé do Rojão declamava. Minha mãe uma analfabeta, chorava quando ouvia o poema “É triste não saber ler” e com isso fez com que seus oito filhos, fossem todos para a escola.
      Que Deus continue protejendo o nosso Zé do Rojão.
      Domingos Eugênio de Melo

  3. Nosso Zé do Rojão, que há décadas nas manhãs Nordestinas fez e faz o amanhecer mais belo, nossa imensa gratidão á você. Não esquecendo Cláudio Gomes, Juliene Maria, entre outros que dedicaram suas vidas ao Rádio.
    Roberto de São Paulo.

  4. ZÉ QUE DEUS TE ABENÇÕE! TE DÊ MUITOS ANOS DE VIDA E SAÚDE… LEMBRO DE TE OUVIR QUANDO EU ERA CRIANÇA… MEU PAI LIGAVA O RÁDIO DE PILHA, E EU ADORAVA AS SUAS POESIAS.
    TEM AQUELA QUE LEMBRO MUITO BEM: “É TRISTE NÃO SABER LER” . HOJE MORO EM SÃO PAULO.
    UM ABRAÇO, CARLOS.

  5. Agradecemos de coração, os comentários dos leitores do Blog Arapiraca Legal: Patrícia Roberta, Sebastião Aroldo, Domingos Eugênio, Roberto e Carlos, elogiando o nosso “grande” Radialista Zé do Rojão.
    Em breve atualizaremos a postagem dele, com algumas poesias matutas. AGUARDEM.
    Assina: Gilvan Juvino e Pedro Jorge, administradores do Blog Arapiraca Legal.

    • SOU FILHO DE ZÉ DO ROJÃO, ELE AGRADECE DE CORAÇÃO ESTA PUBLICAÇÃO, APAREÇA NO PROGRAMA NA RÁDIO NOVO NORDESTE AM, PARA NÓS CONVERSARMOS E CONHECER VCS. (TODOS OS SÁBADOS DAS 5 ÁS 7HS).
      FIQUEM COM DEUS.

      • Olá, meu nome é Bob Cavalcante, procuro a capa do compacto de Zé do Rojão, se vc poder me ajudar envie resposta para meu email: boblimacavalcante
        Fico aguardando ansioso sua resposta!!!

      • Sou de Belém do Pará mais morei a minha infancia toda em Arapiraca e amava os trabalhos do nosso ZÉ e vc como filho do nosso inesquecivel Zé do Rojão publique o compacto que ele gravou e coloque imagens dele no youtube, agradeço e acredito que muita gente agradece tambem!!!

  6. Zé do Rojão, ícone da cultura poética e musical de Arapiraca. Nesta data desejamos a você muitos anos de vida, saúde e lucidez para levar adiante o potencial artístico tão pessoal e que só engrandece a nossa querida Arapiraca e região.
    Abraços,
    Ely Leão – Brasília/DF

  7. Seria possível indicar onde posso adquirir o compacto de valor inestimável de Zé Do rojão – Canta Novo Nordeste. Se alguém souber onde posso adquirir uma copia por gentileza me informe. Desde já agradeço a ajuda

  8. Há 23 anos, moro em Maceió/AL. Sou natural de Porto Real do Colégio/AL e, passei um tempo, sem ter notícias desse “Gigante da Comunicação”, ZÉ DO ROJÃO, mas, sempre guardava em minhas lembranças, quando meu pai, se não me falha a memória, entre 4 ou 5 horas da manhã, ligava o nosso rádio (Motorádio), daí então, não dormiamos mais.
    Com suas lições de vida, ZÉ DO ROJÂO, é, até hoje, para mim, uma referência de honestidade, caráter e moral, rescentemente descobrir, que o “ZÉ”, juntamente com seu filho Jadiélson, estavam, os sábados, fazendo uma audição especial do “nosso” inesquecível programa “Rojão do Nordeste”, daí então, todos os sábados, logo cedinho, estou ligado na rádio Novo Nordeste, através da internet, muita vida para você, “Srº ZÉ DO ROJÃO” e muito obrigado, por ter contribuido, com seus ensinamentos, ter ajudado a formar, o meu caráter de homem de bem.

    • “Amanhã, dia 20 de agosto, o nosso poeta popular Zé do Rojão estará completando juntamente com a Novo Nordeste AM – 570, 36 anos ininteruptos de divulgação da nosssa verdeira cultura popular. Parabéns para a nossa Rádio Novo Nordeste AM e para o nosso Zé do Rojão! O caso é sério e ninguém da verdade…”

      • Nós, Pedro Jorge e Gilvan Juvino, administradores do blog Arapiraca Legal, estamos super felizes pelo retorno do “Poeta” Zé do Rojão no comando de seu programa “O Rojão do Nordeste”, ao lado de seu filho, Jadielson. Este programa é transmitido todos os sábados a partir das 5 hs pela pioneira Rádio Novo Nordeste AM – 570. IMPERDÍVEL!
        “O caso é sério e ninguém zomba da verdade!” (Zé do Rojão)

        Nota: Click no link abaixo para escutar o “Rojão do Nordeste”:
        http://www.novonordeste.com/

  9. Sempre admirei este alagoano de uma vida exemplar e sincero, sou alagoano de Major Isidoro e sinto-me orgulhoso em saber que minha terra produziu pessoas admiráveis como ZÉ DO ROJÃO. Admiro sua veia poética. Hoje moro em Natal/RN, mas nunca esqueço do programa ROJÃO DO NORDESTE.

    • COMO ENCONTRAR OS CDS DE POESIAS DE ZÉ DO ROJÃO? QUERO COMPRAR PARA OUVIR E TER NO MEU ACERVO, POIS ADMIRO ESTE ARTISTA POPULAR. PESSOAS COMO ZÉ DO ROJÃO SÃO POUCAS ATUALMENTE, POIS TENHO ORGULHO DE SER ALAGOANO.

  10. Sou de Arapiraca mas moro em SP. Os meus familiares moram todos aí. Tenho saudades de vocês todos, bjs… Por favor, passe os números dos telefones da rádio.

  11. Nosso querido Zé do rojão me lembra a vida que tive no Sertão alagoano, no acordar bem cedinho onde meu pai ligava o rádio enquanto vinha da cozinha o cheiro gostoso do café que minha mãe fazia. Hoje vivo fora de Alagoas mas continuo escutando meu poeta Zé do rojão pela internet. Grande beijo, poeta. Jesus te abençoe!

  12. Gostaria de parabenizar todos os que integram este BLOG pois tenho certeza que o intuito é divulgar nossos costumes, nossas tradições. Os artistas do nosso Estado sao nossa cultura e com este BLOG serão preservados para que nossos netos, bisnetos… conheçam seus trabalhos. PARABÉNSSSSS !!!

  13. Nós, Gilvan Juvino e Pedro Jorge – administradores do blog Arapiraca Legal, agradecemos as gentis e elogiosas palavras da leitora Jaci Matias enderecadas ao nosso site. Ficamos felizes pelo reconhecimento dos nossos relevantes servicos prestados em pro da divulgacao dos artistas arapiraquenses, da cultura e da história de nossa querida Arapiraca-AL.

  14. Fiquei maravilhado com esse blog, como moro no estado do Pará eu acompanho as noticias pela internet, gostaria muito de conhecer a capa do compacto de Zé do Rojão, vocês pode me ajudar? meu email: boblimacavalcante
    Um forte abraço minha terra e minha gente querida!!!

    • Notícia – Zé do Rojão

      Depois de passar vários dias internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), do Hospital Afra Barbosa, após ter sofrido duas crises seguidas de insuficiência respiratória durante a madrugada do último dia 6, já está em casa se recuperando, o músico e radialista Zé do Rojão, de 75 anos.

      Em Franca Recuperação
      Segundo seu filho, Jailson, Zé do Rojão está em plena recuperação, onde segundo ele, tem recebido centenas de manifestações de carinho dos amigos e dos milhares de ouvintes que conseguiu ao longo desses 37 anos de carreira.

      “Em nome do meu pai e de toda a família do Zé do Rojão, quero agradecer as palavras de carinho e manifestações de uma rápida recuperação”, agradeceu Jailson, aproveitando para também agradecer aos colegas de profissão, que em seus mais diversos meios de comunicação, fizeram uma corrente de orações em nome do Zé do Rojão”, disse Jailson.

      [ Fonte: Página do facebook do jornalista Claúdio Roberto ]

  15. Parabéns meu xará esta foi a homenagem mais merecida no estado de Alagoas. Parabéns a Ràdio Novo Nordeste que confiou em vc. Lemb. minhas para reizinho, um abraço!

  16. NOTÍCIAS | ALAGOAS ( 19 DE NOVEMBRO DE 2013 )

    Zé do Rojão é Internado em Estado Grave no Hospital Regional de Arapiraca – Caso não apresente melhora, será submetido à cirurgia
    Da Redação

    O radialista e músico Zé do Rojão encontra-se internado em estado grave, na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Regional, em Arapiraca-AL. Ele sofre de insuficiência respiratória.

    Zé do Rojão deu entrada no hospital, na última sexta-feira (15), apresentou melhoras durante o final de semana, mas teve uma recaída ontem. Sem previsão de saída, o radialista respira com ajuda de aparelhos. Os médicos aguardam que os medicamentos façam efeito. Caso não haja melhora, Zé do Rojão deverá ser submetido à cirurgia.

    A família pede que a população faça orações pela melhoria do estado de saúde de Zé do Rojão e agradece o apoio de todos.

    8 Comentários:
    Francisco de Assis Chaves – 19/11/2013
    “Meu amigo Zé, tenha fé em Jesus que o médico dos médicos e em São José o Santo de seu nome, que você vai sair dessa e com a força e o poder de DEUS, ainda vai assistir a festa do centenário de Arapiraca. São os votos de seu amigo ‘Assis da Caixa ‘”.

    Ítalo Oliveira – 19/11/2013
    “Melhoras pra esse grande radialista arapiraquense..”

    Josefa – 19/11/2013
    “Que o poder das Mãos Ensanguentadas de Jesus, operem milagres em você, que logo, logo sai dessa com o puder de Deus, dê a sua Saúde”.

    Josefa – 19/11/2013
    “Força Zé, Jesus está contigo. Você vai sim sair dessa, precisamos ouvir por muito tempo tua voz. Jesus te ama e o povo de Arapiraca também!”

    Cláudio Magalhães – 19/11/2013
    “Meu amigo Zé do Rojão, força e fé que vc vai sair dessa! Faço das palavras do Assis as minhas palavras!!!”

    João Malaquias – 19/11/2013
    “Força Zé e que o senhor te tire dessa pois o Senhor sabe q tu és. Um abraço Zé, pois você é um exemplo para quem está no mundo do radialismo e para quem está entrando nele”.

    JAILSON MATIAS – 19/11/2013 às 21:08
    “NÓS QUE FAZEMOS A FAM[ILIA DE ZÉ DO ROJÃO AGRADECEMOS A TODAS AS PRECES E A TODA EQUIPE DO HOSPITAL REGIONAL DE ARAPIRACA/AL PELO CUIDADO A ELE PRESTADO, HOJE A TARDE ELE TEVE UMA MELHORA E ESTÁ RESPONDENDO AOS TESTES E MEDICAMENTOS QUE FORAM APLICADOS. NOSSO MUITO OBRIGADO A TODOS E CONTINUEM ORANDO POR ELE”.

    Neidran – 20/11/2013
    “FORÇA SR. CÍCERO!!! GOSTO D ++ DE SUA PESSOA, SEMPRE SORRIDENTE, SIMPÁTICO E UM POÇO DE GENTILEZAS!!! ESTOU ORANDO PELA SUA RECUPERAÇÃO!!! DEUS TE DÊ SAUDE !!! BJS”.

    Fonte (link): http://www.7segundos.com.br/noticias/editoria/alagoas/ze-do-rojao-e-internado-em-estado-grave-no-hospital-regional/28988

  17. Estou aqui de Minas Gerais orando e pedindo a Deus que abençõe a vida do nosso querido Zé do Rojão!!!

  18. Comentários:
    01. José Carlos Gueta (20 de novembro de 2013)
    “Quando tudo parece perdido
    Do alto Deus manda a ajuda
    O pedido do homem é atendido
    O homem evolui, mas Deus não muda”.

    02. Vera Lúcia (20 de novembro de 2013)
    “ELE COM CERTEZA VAI SUPERAR ESTA. DEUS É MAIOR E SABE O QUE É MELHOR PARA ELE!”

    03. Marcos Goes (20 de novembro de 2013)
    “Logo ficará bom. Deus é Pai !”

    04. Rosy Lima (21 de novembro de 2013)
    “Estou rezando, orando por vc. Deus te abençõe, irmão. Amém!”.

    05. Marcos Goes (21 de novembro de 2013)
    “Zé do Rojão: corpo, espírito e alma de vencedor. Tudo vai terminar bem, logo, logo estarás nos microfones da NN acordando teu povo, com tua voz de trovão imbatível !!!”
    Fonte: Facebook de Pedro Jorge.

  19. TRIBUTO 1 – Zé do Rojão

    Morreu o Pai do Rádio Arapiraquense
    Por Márcia Meirellys

    Acabei de saber que perdi um grande amigo, Zé do Rojão. E, saber que vou chegar em Arapiraca-AL e não vou mais ouvi-lo na Rádio Novo Nordeste AM – 570, aos sábados, pela manhã, coisa que fazia há mais de 36 anos.

    Liguei no programa dele, ficamos felizes, ganhei até uma poesia de presente. Ele me pediu pra que eu fosse no programa dele, e eu ia a semana que vem. Não dá mais. Lamentável!

    Radialista de uma voz inconfundível, cantor, artista, o melhor poeta do Nordeste, premiado em todo o Brasil. Os radialistas arapiraquenses estão órfãos. Adeus pai! Adeus amigo!
    Fica com Deus. Minhas condolências a família. De coração, aquele abraço…
    Estou muito triste!!!

    [ Fonte: Facebook de Marcia Meirellys Ferreira ]

    [ Editado por Pedro Jorge ]

  20. TRIBUTO 2 – Zé do Rojão
    Por Felipe Batista

    Hoje recebi uma noticia muito triste: perdemos mais um grande artista nordestino – nosso grande Zé do Rojão. Grande cantor, compositor, radialista, poeta…

    Fica aqui minha homenagem póstuma a esse cara que aprendi a admirar. Um grande abraço ao meu amigo Pedro Jorge que sempre me deu todas as informações a respeito dele e meus sinceros pêsames à toda a nação que admirava o trabalho do nosso grande poeta.

    Arapiraca e todo o Brasil estão muito tristes com essa perda de hoje!

    [ Fonte: Facebook de Felipe Batista ]

  21. TRIBUTO 3 – Zé do Rojão
    Por Valdir Oliveira

    A vida cumpre seus ciclos e ao girar como um disco de vinil deixa no ar e na nossa memória aquilo que escutamos. Ouvi durante muito tempo o program Rojão do Nordeste, na Rádio Novo Nordeste AM – 570 de Arapiraca, Alagoas, onde também trabalhei. O apresentador era o Zé do Rojão, que dedicou mais de 50 anos à vida artística cantando e narrando histórias do povo da região. Hoje ele está de partida, mas certamente continuará sendo ouvido ou lembrado da sua voz forte, do seu carisma e do seu talento.

    [ Fonte: Facebook de Valdir Oliveira ]

    [ Editado por Pedro Jorge ]

  22. TRIBUTO 4 – Zé do Rojão
    Por Cláudio Roberto

    Zé do Rojão Deixa Saudades

    Dizem que para alguém ser considerado bom, primeiro deve mudar de endereço ou morrer. Porém, este conceito nem de longe se aplica a alguém que durante mais de 50 anos, defendeu com unhas e dentes a música regional nordestina, que foi o já a partir de hoje eterno Zé do Rojão.

    Quem conheceu este cidadão, nascido em Taquarana-AL, vereador por dois mandatos em Coité do Nóia-AL e Cidadão arapiraquense através de Decreto Legislativo da Câmara Municipal de Arapiraca-AL, de autoria do ex-vereador João dos Santos, só pode ter palavras de respeito e admiração pelo seu trabalho.

    Pioneiro no rádio arapiraquense, na Rádio Novo Nordeste AM – 570 de Arapiraca, Zé do Rojão, que até teve em sua homenagem batizado com o seu nome o estúdio na emissora, vai fazer muita falta.

    ____________________________________________________________________________________________________________________

    Rádio Celestial Apresenta Zé do Rojão

    Não há a menor dúvida de que o rádio é o maior meio de comunicação de massa. Chegou a televisão em cores, muitos anos depois apareceu a internet em suas mais diversas ferramentas como o Twitter, face e muitas outras que por certo ainda virão.

    Mas ainda, apesar de todo o avanço da tecnologia, ainda há e vai haver espaço para o rádio. Sempre vai haver alguém com um radinho de pilha, apesar de que os telefones celulares de hoje, têm em seus aplicativos as rádios.

    Mas vamos aqui abrir um espaço para falar deste veículo de comunicação de massa, que hoje não vai apenas nas ondas sonoras, mas até para o céu e eu explico o porque.

    Em toda cidade deve ter uma rádio, aqui em Arapiraca-AL, nós temos Novo Nordeste AM e Nova FM, 96 FM Arapiraca, Gazeta FM Arapiraca, Imprima FM, Metropolitana FM, Pajuçara FM, A Voz do Povo é a Voz de Deus, todas com um excelente elenco de locutores.

    Porém, a campeã está sendo a Rádio Celestial. Esta conta hoje com comunicadores como Cláudio Gomes, Alexandre Costa, Romilton Júnior, Assis Gondim, Cid Santos e agora, Zé do Rojão, que leva com ele, o seu microfone de ouro, para acordar às cinco horas da manhã, os anjos que com suas trombetas anunciarão um novo programa, o Rojão Celestial.

    É com este elenco de locutores, que .abrirão os microfones do Céu para mais uma transmissão radiofônica da Rádio Celestial.

    [ Fonte: Facebook de Cláudio Roberto ]

  23. TRIBUTO 5 – Zé do Rojão

    Fui agraciado por Deus em ouvir Zé do Rojão desde o dia 21 de agosto, estreando na Novo Nordeste de Arapiraca, até abril de 1980 quando fui pra São Paulo. É uma perda irreparável. Descanse em paz, Zé!

  24. TRIBUTO 6 – Zé do Rojão

    HOMENAGEM A ZÉ DO ROJÃO
    Autor: Afríso Acácio (Poeta-vaqueiro)*

    Cantor e radialista
    Poeta e grande artista
    Com sua voz de trovão
    “Decramando” poesia
    Nos dando muita alegria
    Do litoral ao Sertão.

    Amigo Zé do Rojão
    Com sua bonita voz
    Jadielson veio após
    No seu Rojão do Nordeste
    Exemplo para todos nós.

    O tempo passa veloz
    O nosso povo sentiu
    Eu acho que Alagoas
    Ainda não descobriu
    O tamanho e o talento
    Com o seu comportamento
    Do gênio que possuiu.

    * CONTATOS (Afrísio Acácio):
    Telefones: (82) 9964-5284 (TIM) e 8101-9483 (VIVO).

    ARAPIRACA-AL, 23 DE NOVEMBRO DE 2013.

    [ Fonte: Facebook de Afrísio Acácio ]

    [ Editado por Pedro Jorge ]

  25. TRIBUTO 7 – Zé do Rojão

    MINHA HOMENAGEM A ZÉ DO ROJÃO
    Criação nossa

    Zé do Rojão era artista…
    Tocava forró – Não samba
    Apesar de ter importância não dava uma de bamba
    Humilde, viveu a vida
    A encheu de poesia
    Era bom ouvir o Zé, pela manhã todo dia.

    Foi vereador, foi cantor, foi poeta, fez de tudo.
    É triste agora saber que Zé do Rojão está mudo.

    Mas pra mim Zé do Rojão vive
    No legado que deixou
    Fica a lembrança do poeta, cantor, compositor e locutor.

    Oh, meu Deus! Sei que tu sabes muito bem o que estás fazendo
    Com a lembrança do Zé aqui vamos vivendo.

    Receba-o ai feliz, esbanjando alegria
    Quem sabe no futuro ou em breve vamos revê-lo outro dia.

    [ Fonte: Facebook de Ailton Avlis ]

  26. TRIBUTO 8 – Zé do Rojão

    (ADEUS) ZÉ DO ROJÃO
    Autor: José Carlos Gueta – “O POETA DO ABC”

    Z é do Rojão era uma pessoa modesta
    E lá no céu deve estar fazendo festa

    D eixa na terra sua família querida
    O povo também chora na despedida

    R ealmente foi um homem completo
    O povo de Arapiraca lhe oferece flores
    J esus o espera com seus braços abertos
    A música e a poesia eram seus amores
    O forró ele amava, podem estar certos.

    [ Fonte: Facebook de José Carlos Gueta ]

    [ Editado por Pedro Jorge ]

  27. TRIBUTO 9 – Zé do Rojão

    Conhecemos Zé do Rojão, desde seu início profissional. O homem das madrugadas, o homem que tinha o bel prazer de acordar com os passarinhos a cantar. E, que dava espaço para cada um, valorizar a riqueza da natureza através de prosas, versos e canções brejeiras. A poesia nascera com ele, sua voz de trovão, sabia como ninguém emocionar a todos com mensagens que ficarão gravadas nos corações de cada um que o admiravam.
    Zé a Rádio Novo Nordeste, soube seu valor, colocando você até seus últimos dias fazendo seu programa. Sua despedida foi por muito tempo adiada. Seus sintomas, sua fragilidade… mas você voltava no outro dia. Acredito que até o criador queria ver você um pouquinho mais com a gente. Nós que sempre nos alegrávamos ao ouvi-lo nas manhãs de chuva ou de sol !
    Zé, infelizmente o adeus inevitável. Hoje 24 de novembro de 2013, uma manhã de domingo muito triste, uma grande multidão acompanha você , dando o último adeus. Um adeus em forma de poesia e reconhecimento. Centenas de amigos choram esse adeus. Vá Zé, fazer duetos com pessoas que lhe esperam no Céu.
    Aqui ficamos aplaudindo sua trajetória, suas manhãs, seus recados enfim… Mereces todos nossos aplausos. Vá com Deus, insubstituível Zé do Rojão !!!
    Marcos Goes (24 de novembro de 2013).

    [ Fonte: Facebook de Marcos Goes ]

  28. TRIBUTO 10 – Zé do Rojão

    Para mim o Zé do Rojão era único e deu muitas alegrias para mim e para toda a minha família. Zé, você sempre estará pra sempre nos nossos corações. Descanse em paz!
    Gilvan Nunes da Silva (25 de novembro de 2013)

    [ Fonte: Facebook de Gilvan Nunes da Silva ]

  29. TRIBUTO 11

    DEUS CARREGOU PARA O CÉU, O NOSSO ZÉ DO ROJÃO
    Autor: João de Lima de Alagoas (9 de dezembro de 2013)

    1
    Um grande amigo da gente / Locutor da voz sonora,
    Deu adeus e foi embora / Pra um lugar florescente
    Vendo Deus na sua frente / Pegado na sua mão
    São Pedro abriu o portão / E lhe cobriu com um véu
    Deus carregou para o Céu / O nosso Zé do Rojão.

    2
    Um locutor excelente / Da Rádio Novo Nordeste
    Está na mansão Celeste / Muito distante da gente
    Nós sentimos, ele sente / Bastante recordação,
    Que a dor da separação / Fez chorar no mausoléu
    Deus carregou para o Céu / O nosso Zé do Rojão.

    3
    Nosso amigo, gente nossa / Filho de trabalhador
    Gente do interior / Criado perto da roça
    Carro de boi e carroça / Chapéu de couro e gibão,
    Os costumes do Sertão / Lhe deram muito troféu
    Deus carregou para o Céu / O nosso Zé do Rojão.

    4
    Com bastante nostalgia / Vejo a lágrima que desce
    Que Zé do Rojão merece / A mais bela poesia
    Não fiz porque não sabia / A melhor composição
    Mas, canto a triste canção / Chorando igualmente um réu
    Deus carregou para o Céu / O nosso Zé do Rojão.

    5
    Lá do Céu está olhando / Para a rua São Francisco
    E, quem nunca tocou seu disco / Agora já está tocando
    Eu só fico escutando / Prestando bem atenção
    Que o Zé na gravação / Cantava igual um téu-téu
    Deus carregou para o Céu / O nosso Zé do Rojão.

    6
    Foi amigo dos vaqueiros / Poetas-aboiadores
    Amigo dos cantadores / Trovadores-violeiros
    Dos boêmios-seresteiros / Que cantam com emoção
    Se ver Dr. Théo Brandão / Dê lembrança ao Dr. Théo
    Deus carregou para o Céu / O nosso Zé do Rojão.

    [ Editado por Pedro Jorge ]

  30. TRIBUTO 12

    Zé do Rojão
    Autor: José Amaro Filho (Repentista, cordelista – Poeta popular)*

    1.
    Em vinte e três do novembro / De dois mil e treze o ano
    Arapiraca cobriu-se / De tristeza e desengano
    Zé do Rojão se acabou / Só resta a saudade que ele deixou
    Para o povo alagoano.

    2.
    José Cicero dos Santos / Era o seu nome verdadeiro
    Nasceu no ano de 38 / Em vinte sete de fevereiro
    Em onze de dois mil e treze faleceu / Arapiraca perdeu
    Um grande artista guerreiro.

    3.
    Deixou a mulher e filhos / Amigos, parentes e manos
    Foi morar no cemitério / Cadeia do desengano
    Uma morada esquisita / Onde só tem visita
    Uma vez por ano.

    4.
    Partiu do mundo dos vivos / Porque chegou o seu dia
    Estar na morada eterna / Com Jesus e com Maria
    Onde ninguém não era / E o corpo ficou na terra
    Debaixo da terra fria.

    5.
    No céu não se vê escravo / Nem um do outro senhor
    As fortunas são iguais / E todos em só uma cor
    É diferente daqui / Para o dono dali
    Dinheiro não tem valor.

    6.
    Dona Marisa chora / Derrama lagrimas no chão
    Ao lado dos seus filhos / Triste sem consolação
    Chorar é o seu papel / Para seu esposo fiel
    Que foi o Zé do Rojão.

    7.
    Ela chorando diz: / Ou meu Deus tenha piedade
    Protege o meu esposo / Por vossa Santa Bondade
    Cubra ele com seu véu / Lhe de um cantinho no céu
    Lá na santa eternidade!

    8.
    Era querido de todos / Foi bom esposo e bom pai
    Do coração da família /Suas lembranças não sai
    Lá em sua moradia / Ficou a fotografia
    Lembrança que mais distrai.

    9.
    Cantor e declamador / De grande capacidade
    Sorridente e brincalhão / Cheio de felicidade
    Era querido e amado / Por todo mundo abraçado
    Na alta sociedade.

    10.
    Grande comunicador / Locutor de tradição
    Na Rádio Novo Nordeste / Fazia a locução
    Foi embora o nosso artista / Declamador e humorista
    Que foi ZÉ DO ROJÃO.

    * Arapiraca, 28 de novembro de 2013.

    CONTATOS – José Amaro Filho

    Endereco: Rua João Francisco de Souza, 23 – Bairro: Cavaco
    Celular: (82) 9625-4473.

    [ Editado por Pedro Jorge ]

    • “Preservar, valorizar e investir na cultura é viver a mesma. Será que vivemos isso na realidade? Vejam só, Zé do Rojão (In Memoriam) foi de alguma forma esquecido pois, o que poderia ter dado continuidade ao grande poeta, já não existe mais… Seu lindo programa pela Novo Nordeste Am – Rojão do Nordeste! Aquilo significava a marca do poeta, a vida de cada homem do campo e parte da história da respeitável empresa Novo Nordeste. Seus ouvintes reclamam a perda do poeta e do programa, se ele era parte de nossa cultura, teríamos que ter mais amor e preservar o nome ZÉ DO ROJÃO!!!”
      Marcos Góes (empresário arapiraquense)

      Fonte: página do facebook de Marcos Góes, 24 de fevereiro de 2104.

      [ Editado por Pedro Jorge ]

  31. TRIBUTO 13

    ZÉ DO ROJÃO ( Acróstico )
    Autora: Maria Margarete Malaquias Cavalcante (Profª e Multiplicadora de Informática)

    [ Z ] é do Rojão é seu nome artístico mas na pia batismal e sob o testemunho de seus padrinhos recebeu o nome de José Cícero dos Santos.
    [ E ] streou seu programa “O Rojão do Nordeste”, primeiro programa da Rádio Novo Nordeste AM, que foi ao ar no dia 21 de agosto de 1976, às cinco horas da manhã.

    [ D ] esde então, as famílias nordestinas acostumaram-se a tomar o café da manhã em companhia agradável que entre uma música e outra seguia intercalando sua fala com risadas gostosas de se ouvir e que alegravam os coração dos seus ouvintes.
    [ O ] rgulhoso, feliz, com bom humor, sem vaidade, o vozeirão inconfundível falava da ligação da sua trajetória de vida com a radiodifusão, aos dezesseis anos, durante o período que morou em Maceió onde conheceu pessoas ligadas à radiodifusão de Alagoas onde deu seus primeiros passos, fazendo parte aos domingos do Programa Vesperal das Senhorinha, da famosa Odete Pacheco.

    [ R ] ádio era sua segunda casa e graças ao rádio, Zé do Rojão, foi se projetando rapidamente no meio artístico ao mesmo tempo em que fazia parte do casting da Rádio Novo Nordeste AM, se apresentando em festas Juninas, festas dos Santos, circos, vaquejadas, festas de Emancipação Política, comícios, festas de Folclore dentre tantos outros eventos regionais do interior de Alagoas.
    [ O ] timista, lançou seu nome como candidato a uma vaga na Câmara de Vereadores em Coité do Nóia no ano de 1982, pelo PDS (Partido Democrático Social), partido político brasileiro de direita fundado em 30 de janeiro de 1980. Eleito foi mas mesmo vitorioso o seu vozeirão característico, a sua animação inconfundível continuou com a mesma dedicação Na Rádio Novo Nordeste, prestando uma grande contribuição para a música regional nordestina, divulgando Arapiraca e alegrando semanalmente o povo do Agreste e do Sertão.
    [ J ] usto, nunca renunciou à sua dignidade, nunca se curvou a interesses mesquinhos, o que contribuiu para enriquecer a sua rica biografia e graças a mesma é que no ano de 2010, a Rádio Novo Nordeste, onde atuou por mais tempo da sua vida, em um justo reconhecimento ao seu talento “batizou” um moderno Stúdio com seu nome artístico: Zé do Rojão.
    [ A ] mou da maneira mais linda que se possa amar a sua Marilza Matias dos Santos com quem contraiu matrimônio no ano de 1959. Do casamento nasceram seus cinco filhos, cinco ramos na sua árvore genealógica: Jackson, Jaci, Jadielson e Jair Matias dos Santos.
    [ O ] Rojão é do Nordeste mas o Zé é nosso! Assim disse Ronaldo Oliveira e assim permanecerá, mesmo depois de sua Páscoa no dia 23 de novembro de 2013 quando calou-se a voz do Zé na madrugada, quase no mesmo horário em que Arapiraca ouvia seu vozeirão nas inesquecíveis manhãs nordestinas.

    Fonte (link): https://arapiracalegal.wordpress.com/artistas-arapiraquenses/acrosticos-maria-margarete-malaquias-cavalcante/

    [ Editado por Pedro Jorge ]

  32. ZÉ DO ROJÃO – 6 Meses de Saudades!

    A sua voz calou,mas sua presença permanece.
    sua partida deixou em nossos corações
    profunda tristeza,confortada com a presença da vida eterna.

    Fostes uma semente que semeou,
    nasceu e cresceu com fruto de amor que tivesse por todos aqueles
    que tiveram o privilégio de conviver com você…

    6 meses de muita tristeza!!!

    Fonte: Facebook de Igor Pinheiro, 23 de maio de 2014.

  33. “Hoje (23 de novembro de 2016) faz exatamente três anos que esse Rei nos deixou triste, mas infelizmente é a realidade. Meu, Zé do Rojão, que nos deu muitas alegrias, saibas que a sua ausência é e sempre será muito triste, mas nunca iremos te esquecer. Obrigado, Zé, por tudo o que fizestes, em vida, por nós: filhos, esposa (mamãe) e amigos. Descanse em paz, papai!” – (Jair Matias Santos)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s